Assaltalte de carros-fortes morre em confronto com a polícia no Nordeste de Amaralina

Com o trio foram apreendidos explosivos, espoletas, detonadores, duas pistolas calibres 9 mm e 40, carregadores, munições e seis celulares. (Foto: SSP/Divulgação)

Equipes do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e da Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil deflagraram, na manhã desta quinta-feira (7), operação contra uma quadrilha de roubos a carros-fortes. No Nordeste de Amaralina, bairro alvo da ação, foram apreendidos explosivos, armas e munições.

Os policiais civis faziam monitoramento na Travessa Professor Luiz Barreiros, quando o criminoso Isaías Guimarães dos Santos, o ‘Ben 10’, 27 anos, comparsa de ‘Elias Pinto’, ex-líder do tráfico no Nordeste de Amaralina, foi avistado armado.

Quando as equipes táticas se aproximaram o assaltante, acompanhado de Erivaldo Sampaio Santana e de Jonatã dos Santos Baptista, 18, atirou. Após confronto, Ben 10 e Erivaldo foram atingidos e socorridos para o Hospital Geral do Estado (HGE). Isaías não resistiu e Erivaldo segue internado. Jonatã se entregou e terminou preso em flagrante.

Com o trio foram apreendidos explosivos, espoletas, detonadores, duas pistolas calibres 9 mm e 40, carregadores, munições e seis celulares. O grupo cometia ações criminosas também contra bancos.

“Este criminoso de apelido Ben 10 era braço direito de Elias Pinto e alvo de investigações da Polícia Civil. Agimos rápido e evitamos que os explosivos fossem utilizados para atacar carros-fortes ou bancos”, destacou o diretor do DCCP, delegado Élvio Brandão. Informou ainda que outros alvos estão sendo buscados e que a operação é mais uma resposta da polícia baiana contra quadrilhas especializadas neste tipo de crime.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *