Geddel afirma que chance de oposição não estar unida em 2014 é zero

Geddel, ACM Neto, Aleluia e Paulo Azi prestigiaram a filiação do deputado estadual Elmar Nascimento ao DEM, em Campo Formoso.
Geddel, ACM Neto, Paulo Souto, Aleluia e Paulo Azi prestigiaram a filiação do deputado estadual Elmar Nascimento ao DEM, em Campo Formoso.
A filiação do deputado estadual Elmar Nascimento ao DEM reuniu nomes de peso da política baiana em Campo Formoso, região Norte do Estado, neste domingo (29). Geddel Vieira Lima, presidente do PMDB na Bahia, foi acompanhado do deputado federal peemedebista Leur Lomanto Júnior.

O prefeito de Salvador, ACM Neto, que fez a sua primeira viagem para o interior da Bahia depois de nove meses de mandato, teve na sua comitiva o ex-governador Paulo Souto, o Secretário Municipal de Urbanismo e Transporte, José Carlos Aleluia, o presidente do Democratas, Paulo Azi, e o prefeito Feira de Santana, José Ronaldo. Juntos, eles formam uma nova aliança histórica da oposição baiana em busca de uma parceria sólida para a construção da Bahia do futuro.

“Esse bloco político tem um significado claro para o futuro. Reúne os que desejam, pensam e pleiteiam o processo de vitória em 2014. Eu quero e trabalho para ser o governador da Bahia, se meu nome tiver capacidade de unificar ainda mais essa aliança, mas não serei empecilho para aprovar outro nome que fortaleça a bandeira de fé e esperança no futuro de uma Bahia melhor”, declarou o pré-candidato Geddel Vieira Lima, que deixou claro a “chance zero da oposição não estar unificada nas eleições de 2014”.

Notícias Relacionadas