Tarso Genro cria empresa para faturar com pedágios no RS

CLÁUDIO HUMBERTO

O governador gaúcho Tarso Genro (PT) criou uma empresa pública, a EGR, para cobrar pedágios em rodovias, fazendo caminho inverso de Estados mais desenvolvidos, como São Paulo, que passou à iniciativa privada suas rodovias. As tarifas serão 35% mais baratas (carro pagará R$ 5,20) que das concessionárias privadas, mas não haverá serviços como guincho e ambulância, vistoria de pistas, 0800, informações, etc.

Nada feito – As concessionárias propuseram ao governo gaúcho reformular seus contratos, reduzindo tarifas (carro: R$ 4,40) e mantendo os serviços.

Proposta ignorada – Com prazo de contrato maior e reduzindo tarifas, as concessionários dariam quitação do débito do governo do RS, de mais de R$ 3 bilhões.

Dívida vai crescer – Com o retrocesso gaúcho, as estradas não receberão investimentos financiados pelo pedágio. Terão que ser financiados com empréstimos. (Coluna de Cláudio Humberto)

Leia também:

Notícias Relacionadas