Calote gaúcho ameaça as concessões federais

CLÁUDIO HUMBERTO

Decisões populistas e demagógicas do governo Tarso Genro (PT), no Rio Grande do Sul, têm irritado a presidenta Dilma Rousseff, sobretudo porque criam uma insegurança que ameaçam programas federais. É o caso do encerramento das concessões no Estado, enquanto o governo federal tenta fazer decolar as concessões de rodovias, portos e aeroportos, necessárias ao desenvolvimento da infraestrutura do País.

Truculência – Após 15 anos de concessão de rodovias, o governo gaúcho pretende encerrar os contratos antecipadamente, e sem pagar o que deve.

Saindo da reta – O governo gaúcho manda as concessionárias cobrar o calote na Justiça, e no caso de ganharem cobrar a dívida com precatórios.

‘Beiço’ socializado – A “solução” de Tarso Genro transfere para toda sociedade uma dívida às concessionárias que deveria ser cobrada dos usuários das rodovias. (Coluna de Cláudio Humberto)

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. Fedegoso

    Gostaria de ter essa notícia com mais detalhes. O assunto está assim muito por cima, sem deixar margens que não seja para dizer amém. A TWB aqui também vai ter que discutir o assunto na Justiça. E a Marítima, como entrou no negócio? Se eu fosse jornalista eu não publicaria certas notícias.

Comentários estão suspensos