Com imagens de drone, polícia destrói 18 mil pés de maconha em Várzea da Roça

A plantação de maconha contava com sistema de irrigação. (Foto: SSP/Divulgação)

Guarnições da 24ª Companhia Independente da Polícia Militar (Jacobina), com a ajuda de um drone, destruíram uma plantação com 18 mil pés de maconha na zona rural de Várzea da Roça.

A ação, que aconteceu na quarta-feira (6) e na qual foram apreendidos ainda 35 quilos da droga, sementes e munições, teve origem logo após os policiais receberem uma denúncia anônima de que havia um trânsito atípico de veículos, diversas vezes na semana e em horários suspeitos, no povoado Pau de Colher.

Ao chegar ao local, a PM identificou, através das imagens do drone, quatro homens cultivando cannabis sativa (maconha). Houve confronto e os criminosos conseguiram fugir pelo matagal, abandonando um carregador SR-40 calibre ponto 40, com capacidade para 15 disparos, 65 cartuchos de ponto 40 acondicionados num estojo, um aparelho celular, 35 quilos de maconha dentro de cinco sacolas de nylon, 3,5 quilos de sementes de maconha num vaso de água mineral e 18 mil pés de maconha.

A Polícia Civil e o Departamento de Polícia Técnica (DPT) foram acionados, para prosseguimento das investigações e perícia do local, além de ajudarem na incineração da roça. Já o material apreendido foi encaminhado para a sede da 16ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), em Jacobina

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *