Seleção Sub-20 do Brasil perde para o Chile por 1 a 0 no Sul-Americano

(Foto: Gregório Fernandes/CBF/Divulgação)

O Brasil sofreu a primeira derrota no Sul-Americano Sub-20. Na noite desta quarta-feira (23), no Estádio El Teniente, a Seleção Brasileira encarou o Chile, em Rancágua, e acabou superada por 1 a 0 pelos donos da casa, em jogo válido pela quarta rodada do Sul-Americano Sub-20. O resultado mantém a Canarinho com quatro pontos, mas agora na terceira colocação do Grupo A.

O próximo compromisso da equipe comandada pelo técnico Carlos Amadeu será na sexta-feira (25), às 18h10 (de Brasília), contra a Bolívia. Para avançar ao hexagonal final do Sul-Americano, a Seleção Brasileira precisa ficar entre os três primeiros colocados do grupo.

O Sul-Americano Sub-20 distribui quatro vagas para o Mundial da categoria, que será disputado na Polônia entre os meses de maio e junho deste ano. Os três primeiros colocados também garantem presença no Pan-Americano, em Lima, entre julho e agosto.

O jogo

Em um primeiro tempo animado, Brasil e Chile tiveram chances claras de gol. A primeira boa oportunidade foi do time chileno, aos 12 minutos, quando Phelipe realizou grande defesa cara a cara com Iván Morales. Dois minutos depois, aos 14, a Canarinho quase abriu o placar, não fosse o goleiro Ureta, que praticou três defesas em sequência: primeiro no chute da entrada da área de Igor. Depois se garantiu no rebote de Papagaio e, em seguida, evitou o gol de Rodrygo. Mas a Seleção tirou o pé do acelerador, chamando o adversário para o campo. Tanto que, aos 41 minutos, a bola chegou livre para Morales na pequena área. O camisa sete chileno só empurrou para o gol: 1 a 0 para a equipe da casa.

Atrás no placar, o Brasil precisou se arriscar mais na etapa final. Por outro lado, aumentou o risco de contra-ataque. Ao sete minutos, o Chile por pouco não chegou ao segundo gol em uma bola errada da defesa brasileira. A Seleção, por sua vez, quase empatou aos 18, mas Ureta espalmou bola que vinha direto em escanteio cobrado por Rodrygo. Na marca dos 25, Marcos Bahia acertou bom cruzamento, na cabeça de Rodrygo, mas a bola foi para fora. Depois, a seleção do Chile conseguiu se impor na marcação e não deu mais chances ao Brasil.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *