Produção industrial mantém crescimento

Sabrina Craide
Agência Brasil

Brasília – A produção industrial manteve-se em crescimento em abril. De acordo com a Sondagem Industrial divulgada hoje (20) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o índice de evolução da produção de abril ficou em 52,8 pontos, um ponto a menos do que no mês anterior (52,9).

Os indicadores da pesquisa variam de zero a cem. Acima de 50 indicam crescimento na produção, estoque acima do planejado e utilização da capacidade instalada acima do usual. O índice de utilização da capacidade instalada subiu de 44,4 para 46,0 pontos e o número de empregados na indústria ficou praticamente estável, com índice de 50,2 pontos.

De acordo com a CNI, o ponto negativo da pesquisa foi o aumento dos estoques de produtos finais, sobretudo entre as grandes empresas. O índice de estoques passou de 50,0 para 51,2 pontos e, no caso das grandes empresas, de 51,3 para 54,1 pontos, o maior valor desde julho de 2012. Segundo a confederação, estoques indesejáveis elevados podem ser um obstáculo à continuidade da retomada da atividade industrial.

Em maio, as expectativas dos empresários para os próximos meses ficaram praticamente estáveis em relação à demanda, compras de matéria-prima e número de empregados. Com relação às expectativas para os próximos seis meses sobre as exportações, os empresários voltaram a mostrar otimismo em maio, após perspectivas estáveis em abril.

Notícias Relacionadas