Papa Bento XVI pede solidariedade diante da crise econômica

AGÊNCIA ANSA

Loreto – O Papa Bento XVI falou sobre a crise econômica mundial e pediu que prevaleça a solidariedade diante do egoísmo. O Pontífice fez a declaração no Santuário de Nossa Senhora de Loreto, na Itália, na qual foi recebido hoje por uma multidão.

“Na atual crise, que interessa não apenas a economia mas, a vários setores da sociedade, é necessário lembrar dos problemas de muitas famílias que olham o futuro com preocupação, os desejos dos jovens, sofrimentos de quem aguarda atitudes e escolhas de solidariedade” e de amor, disse Bento XVI.

Ao celebrar a missa diante do Santuário de Loreto, um dos mais importantes santuários do mundo dedicados à Nossa Senhora, o Papa explicou que o convite para encarnar a fé na vida das pessoas e das sociedades “reforça hoje com uma força particular”.

Pouco antes, o Pontífice entregou a Nossa Senhora, “todas as dificuldades que vivem no nosso mundo em busca de serenidade e de paz”.

AnsaLatina

Notícias Relacionadas