Primeiro Ba-Vi do Brasileirão na Arena Fonte Nova termina em 0 a 0

Jogo muito disputado na Arena, com o Bahia retrancado e procurando jogar no erro do adversário.
Jogo muito disputado na Arena, com o Bahia retrancado e procurando jogar no erro do adversário.

Vitória e Bahia empataram em 0 a 0 o clássico Ba-Vi deste domingo, na Arena Fonte Nova, diante de 36 mil torcedores. Foi o primeiro clássico pela Série A desde outubro de 2003. Com o resultado, o rubro-negro ampliou a freguesia sobre o adversário. Este ano já foram cinco jogos: 5 a 1, 2 a 1 e 7 a 3, favoráveis ao Leão, e dois empates 1 a 1 e hoje 0 a 0. Como o Inter (RS) venceu o Flamengo, por 1 x 0, o time rubro-negro baiano acabou saindo do G4 e é o 5º colocado. Já o Bahia, com 13 pontos, está em 6º.

Em confronto que pode valer até mesmo a liderança do Brasileiro na próxima rodada, o time rubro-negro irá visitar o Coritiba, no domingo que vem. O Bahia segue na Fonte Nova e recebe o ameaçado Goiás no mesmo dia. Desde a segunda rodada, o Vitória se mantinha no G4. Agora, é o quinto colocado, com 14 pontos, dois a menos que o líder Botafogo (16) e o vice Coritiba, e um atrás do Inter (4º) e Cruzeiro (3º).

Ficha Técnica

Data: 21 de julho, às 16 horas
Local: Estádio Arena Fonte Nova, Salvador (BA)

VITÓRIA: Wilson; Nino Paraíba (Daniel Borges), Gabriel Paulista, Victor Ramos e Danilo Tarracha; Michel, Caceres (Vander), Renato Cajá (Camacho) e Escudero; Maxi Biancucchi e Dinei
Técnico: Caio Júnior

BAHIA: Marcelo Lomba; Madson, Titi, Lucas Fonseca e Raul; Feijão, Hélder (Fabrício Lusa), Rafael Miranda e Anderson Talisca (Freddy Adu); Wallyson e Fernandão
Técnico: Cristóvão Borges

Árbitro: Paulo César Oliveira (SP-FIFA), assistido por Luiz Carlos Teixeira (BA-CBF 1) e Adson Márcio Lopes Leal (BA-CBF 1)
Cartão amarelo: Helder, Lucas Fonseca e Feijão (BAH)

Notícias Relacionadas