Bolsonaro faz comparações com Haddad no programa eleitoral

Agência Brasil

No Rio de Janeiro, o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, grava participação no programa eleitoral e intensifica as postagens nas redes sociais hoje (16). O foco é mostrar algumas das suas propostas de governo e compará-las às do adversário do PT, Fernando Haddad.

O candidato Jair Bolsonaro  (PSL) fala à imprensa após gravação de campanha, no bairro Jardim Botânico.
O candidato Jair Bolsonaro (PSL) – Fernando Frazão/Agência Brasil

O candidato do PSL cita que é contra a progressão de pena, redução da maioridade penal e o saidão, por exemplo. Acrescenta que é contrário a qualquer tipo de controle da mídia e interferências na Justiça. Ele disse ainda que é favorável à redução do número de ministérios – hoje, 29.

Em relação à economia, Bolsonaro afirma, nas postagens, que é favorável à redução de impostos, mas não detalha como será feito o processo. Em um post em italiano e português, o candidato cita mensagem atribuída ao vice-primeiro ministro da Itália, Matteo Salvini, saudando-o.

Bolsonaro aproveitou para defender a extradição do italiano Cesare Battisti, condenado em seu país à prisão perpétua por atos ilegais, e que vive no país. Para o candidato, Battisti é um “terrorista”. “Mostraremos ao mundo nosso total repúdio e empenho no combate ao terrorismo.”

O candidato concederá hoje entrevista ao vivo para o STB às 19h10.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *