Segundo Sol: Severo fica à beira da morte e Zefa o leva de volta à mansão

Severo é encontrado semimorto e Zefa o leva pra mansão — Foto: TV Globo

Severo (Odilon Wagner) está colhendo o que plantou. Morando no prédio condenado, em péssimas condições, ele é achado por Agenor (Roberto Bonfim) quase inconsciente.

Num gesto de humanidade, Agenor liga para Zefa (Claudia di Moura) e a avisa que o empresário falido corre risco de morte.

“Afe Maria, ele tá muito mal… E esse olhar perdido… Me ajude, seu Agenor. Eu vou tirar você daqui, Severo, você precisa de ajuda!”, diz Zefa, que o leva para mansão.

A atitude da serviçal não tem a aprovação da família, principalmente de Roberval (Fabrício Boliveira), que não engole a presença do pai.

“O que esse homem tá fazendo aqui?! Leve essa peste embora de volta pro inferno que lá é o lugar dele!”, esbraveja Roberval.

“Ele mal tem força pra andar, está três dias sem comer, agachado num canto feito um bicho acuado naquele lugar invadido por mendigos, tenha piedade, Roberval! Misericórdia!”, implora Zefa, que não convence o filho nem os demais familiares.

Porém, Roberval não contava com a força de Zefa, que já se mostrou uma matriarca e tanto.

“Se Severo for expulso daqui eu vou embora junto com ele. Posso ficar ou vou ser obrigada a ir com seu pai para aquele prédio em ruínas? “, indaga Zefa, que acaba conseguindo o consentimento de todos.

Só resta a Roberval acatar a ordem da mãe. No entanto, muito contrariado, ele sentencia:

“Você não merece a família que tem, seu velho imundo!’

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *