Fluminense bate o Cuenca em Quito e abre grande vantagem pela Sul-Americana

O Fluminense construiu uma grande vantagem para o jogo de volta, dia 4 de outubro. Foto: Lucas Merçon/ FFC/Divulgação)

O Fluminense conquistou um resultado importantes na noite desta quinta-feira (20), na partida de ida das oitavas de final da Copa Conmebol Sul-Americana. O Tricolor foi até Quito, no Equador, e venceu o Deportivo Cuenca por 2 a 0, construindo uma grande vantagem para o jogo de volta, dia 4 de outubro no Maracanã.

Com gols de Everaldo e Luciano, um em cada tempo, o time do técnico Marcelo Oliveira fez uma partida muito equilibrada, com uma defesa sólida e um ataque bastante eficiente. Mesmo com a dificuldade da altitude, o Fluminense soube aproveitar as chances e no Brasil, pode até perder por um gol de diferença que mesmo assim, se classifica para as quartas de final da competição.

O Jogo – O Fluminense chegou ao ataque aos 9 minutos com boa troca de passes entre Everaldo e Sornoza, mas a defesa cortou. Aos 14, o Tricolor tentou a jogada pela lateral com Ayrton Lucas, que partiu em velocidade, mas foi parado pelo adversário. Luciano recebeu aos 22 minutos e passou para Everaldo, que deu um drible seco na bola e chutou para o fundo das redes: 1 a 0 para o Tricolor. Sornoza arriscou um lindo chute de fora da área aos 25 e o goleiro rebateu. Everaldo tentou o chute colocado e acertou a trave, quase marcando um golaço aos 30 minutos. Jadson e Sornoza trocaram passes na entrada da área aos 42 e Jadson chutou forte por cima da meta adversária. Nos acréscimos, Sornoza cobrou falta frontal, mas a bola subiu muito.

Na segunda etapa, os donos da casa voltaram pressionando e obrigando Júlio César a fazer três defesas difíceis em sequência. Aos 15 minutos, após triangulação entre Sornoza, Everaldo e Luciano, o camisa 29 tentou o chute cruzado e a bola passou ao lado do gol. Ayrton Lucas deu ótimo passe aos 27 para Luciano, que chutou forte e a zaga afastou. Na sequência, Ayrton Lucas novamente ficou com a bola e passou para Everaldo bater pela esquerda, mas o chute foi muito forte. Aos 29, mais uma tabelinha entre Luciano e Ayrton Lucas, o lateral tentou a batida, mas o zagueiro tirou. Em jogada de contra-ataque aos 38 minutos, Ayrton Lucas partiu em velocidade e deixou Luciano livre para marcar o segundo gol do Flu na altitude: 2 a 0 para o Tricolor.

Notícias Relacionadas