Salvador recebe hoje agência britânica de dados geoespaciais

O evento acontecerá no Hub Salvador, no Comércio. (Foto: Google/Reprodução)

Para discutir como o desenvolvimento de uma base de dados georreferenciados pode potencializar a gestão pública e privada, será realizado nesta terça-feira (18), às 17h, um happy hour com a Ordnance Survey International (OSI), empresa britânica referência em mapeamento de dados, que vai colaborar com a Estratégia de Resiliência de Salvador. Durante o evento, que acontecerá no Hub Salvador, na Avenida da França (Comércio), a agência apresentará sua metodologia de trabalho e iniciativas bem sucedidas de uso de dados geoespaciais ao redor do mundo.

A atividade faz parte das ações para a construção da Estratégia de Resiliência de Salvador, que está sendo desenvolvida em parceria com a Fundação Rockefeller através do Programa 100 Cidades Resilientes. O plano de resiliência, cujo documento final deve ser entregue até o fim deste ano, visa avaliar os pontos positivos e os problemas da cidade para prepará-la para lidar com os desafios urbanos com maior eficiência.

“A elaboração da estratégia cria oportunidades de trazer para Salvador atores globais com grande capacidade de inovação em todas as áreas da cidade, sempre com o objetivo de contribuir para tornar a capital baiana mais sustentável e resiliente. A agência OSI tem um trabalho consistente no Reino Unido tanto na gestão de dados que servem de base para políticas públicas efetivas, como apoiando ecossistemas de inovação”, afirma André Fraga, titular da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (Secis).

Agenda – Até a próxima quinta-feira (20), representantes da OSI também visitarão equipamentos municipais de controle e monitoramento de mobilidade urbana, trânsito e defesa civil, como a Central de Controle Operacional (CCO), o Núcleo de Operações Assistidas (NOA) e o Centro de Monitoramento e Alerta de Defesa Civil (Cemadec), além da Companhia de Governança Eletrônica (Cogel), responsável pela gestão das informações de telecomunicações na Prefeitura.

Os consultores também farão uma série de entrevistas com gestores municipais, como o secretário da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), André Fraga, o diretor de Modernização e Tecnologia da Gestão da Secretaria Municipal de Gestão (Semge), Luiz Gaban, além de Luiz Carreira, chefe da Casa Civil; Sósthenes Macedo, diretor da Codesal; e o secretário da Fazenda, Paulo Souto. Na ocasião, os consultores terão acesso aos projetos da Prefeitura responsáveis pela geração e integração de base de dados.

Notícias Relacionadas