Bahia perde para o Atlético-PR e cai três posições na classificação do Brasileiro

Gol do Atlético-PR: Pablo cruzou na área e Rony estufou a rede, aos 32 do 2º tempo. (Foto: Miguel Locatelli/Site Oficial Atlético-PR)

O Bahia não resistiu ao melhor futebol do Atlético-PR e foi derrotado por 2 a 0, na Arena da Baixada, em Curitiba. Com o resultado, o Tricolor Baiano fecha a rodada na 14ª posição na tabela de classifica, com 25 pontos, perdendo três posições e dois pontos a mais que o primeiro time da zona do rebaixamento, o Sport de Recife. O Atlético-PR vai à nona colocação com 27 pontos subindo quatro posições.

Os gols do Atlético-PR foram marcados por Pablo e Rony, ambos no segundo tempo. O Furacão volta ao Brasileirão nesta quarta-feira contra o Palmeiras, às 21 horas, na casa do adversário. No mesmo dia, mas às 19h30, o Bahia recebe o Sport na Fonte Nova.

O Bahia começou o jogo pressionando o adversário, mas aos poucos foi sendo dominado. O Rubro-negro paranaense criou algumas boas oportunidades para marcar já no primeiro tempo. Mas na segunda etapa do jogo, o time baiano foi amplamente dominado.

O segundo tempo começou da mesma forma que o primeiro. O time visitante tentou uma pressão inicial, mas logo o time atleticano assumiu o controle da partida. Aos 11 minutos, após cruzamento de Marcinho, Renan Lodi apareceu na segunda trave para desviar. A bola, no entanto, foi para fora.

De tanto insistir, o Rubro-Negro abriu o placar aos 22 minutos. Nikão passou para o camisa 92, que com um toque sutil driblou o marcador. Ainda de fora da área, ele soltou a bomba no canto direito. Golaço de Pablo, em seu jogo 150 com a camisa atleticana! 1 a 0!

Aos 30’, Pablo teve mais uma chance. O chute de Rony parou na defesa e Pablo esticou o pé dentro da área para dominar. A bola ficou longe e ele tentou a finalização, que foi defendida pelo goleiro.

A dupla Pablo e Rony foi responsável pelo segundo gol atleticano, aos 32’. O camisa 92 recebeu cruzamento, dominou pelo lado direito e mandou rasteiro para o meio da área. Lá estava o estreante da noite, Rony, que bateu de primeira e estufou as redes. 2 a 0 Furacão!

O jogo, a partir de então, passou a ser controlado com tranquilidade. Sem poder de criação, o Bahia não assustou a defesa atleticana.

Atlético Paranaense: Santos; Jonathan, José Ivaldo, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington e Bruno Guimarães; Nikão, Raphael Veiga (Bruno Nazário, aos 27’ do 2ºR) e Marcinho (Rony, aos 17’ do 2ºT); Pablo (Bergson, aos 36’ do 2ºT).
Técnico: Tiago Nunes
Gols: Pablo, aos 22’ do 2º tempo; Rony, aos 32’ do 2º tempo.
Cartão amarelo: Raphael Veiga

Bahia: Douglas (Fernando, no intervalo); Bruno (Nino Paraíba, no intervalo), Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Elton, Vinicius e Elber; Edigar Junio (Clayton, aos 24’ do 2ºT) e Gilberto.
Técnico: Enderson Moreira
Cartão amarelo: Elton, Elber

Notícias Relacionadas