Campeonato Brasileiro: Vasco e Ceará empatam no encerramento do 1º turno

Pikachu em ação diante do Ceará – Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br/Divulgação)

Em confronto direto contra o rebaixamento, Vasco e Ceará ficaram no empate em 1 a 1 em jogo que encerrou o primeiro turno do Brasileirão, na noite desta segunda-feira (20). Em São Januário, no Rio de Janeiro, Wagner abriu o placar para o time da casa e Tiago Alves empatou para o Vôzão. Com o resultado, o Cruz-Maltino subiu para o 15º lugar, com 20 pontos conquistados. Já o Alvinegro cearense tem 17 e ocupa a 19ª colocação na tabela.

Jogando em casa e precisando da vitória para se afastar do Z-4, o Vasco tentou tomar a iniciativa logo nos primeiros instantes da partida. Aos cinco minutos, Wagner, em boa cobrança de falta, obrigou o goleiro Éverson a trabalhar. Apesar de ter o controle do jogo, a equipe carioca não conseguia criar chances efetivas de gol. A partir da metade da etapa inicial, o Ceará passou a equilibrar as ações.

Na marca dos 26, Ricardinho arriscou da entrada da área e a bola passou perto da meta defendida por Martín Silva. A resposta do Cruz-Maltino veio aos 30 com Giovanni Augusto. O meia bateu de meia distância, o chute desviou e quase surpreendeu o arqueiro do Vôzão que conseguiu fazer a defesa. Aos 35, foi a vez do Alvinegro chegar novamente. Após bola cruzada na área, Richardson pegou a sobra, driblou o marcador e chutou cruzado, mas para fora. No último lance do primeiro tempo, o Ceará chegou com Éverson. O goleiro foi para a cobrança de falta e assustou o companheiro de posição.

O confronto voltou do intervalo com o Vasco mais uma vez tentando impor seu ritmo de jogo. Aos 10, após cruzamento, a bola sobrou para Pikachu que foi travado na hora da finalização. Quatro minutos, Maxi López ajeitou, dentro da área, para Wagner que estufou as redes em São Januário: 1 a 0 para o Cruz-Maltino. Na sequência, Giovanni Augusto, de cabeça quase ampliou, mas Éverson salvou para o Ceará. Aos 20, depois de cobrança de escanteio do Alvinegro, Tiago Alves subiu para deixar tudo igual. A partir dos 35 minutos, o Vasco passou a ter um jogador a mais com a expulsão de Samuel Xavier. Mesmo com a pressão nos minutos finais, o clube carioca não conseguiu balançar a rede.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *