Polícia e MP fazem operação contra o jogo do bicho no Rio

Agência Brasil  

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro deflagraram hoje (13) a Operação Saigon, para combater o jogo do bicho em Niterói e na Região dos Lagos.

Alexandre Coutinho, o Tioco, um dos presos na Operação Saigon (Foto: Reprodução/TV Globo/Reprodução)

Durante a ação, foram presos os chefes da quadrilha, os irmãos Luis Anderson e Alexandre de Azeredo Coutinho. Luis Anderson foi preso no bairro de Icaraí, em Niterói, junto com a esposa, e Alexandre foi detido em Cabo Frio. Segundo a polícia, a quadrilha movimentava até R$ 10 milhões por mês.

Os agentes cumprem 23 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão contra denunciados por crimes de organização criminosa e peculato, entre eles policiais civis e militares. As investigações comprovam que os irmãos corrompiam funcionários públicos, principalmente agentes da Força de Segurança. Contava também com a atuação de policiais e ex-policiais.

O policial aposentado Allan Kardec era o elo entre os criminosos e as delegacias, informou a Polícia Civil.  A sofisticação da quadrilha chegava ao ponto de oferecer plano de saúde e tinha um setor de tesouraria.

Notícias Relacionadas