Carballal rebate críticas de Marcelino Galo sobre educação em Salvador

Carballal afirma que menos de 7% das escolas municipais estão em greve. (CMS/Divulgação)

O vereador Henrique Carballal (PV) rebateu as críticas do deputado estadual Marcelino Galo (PT), que afirmou nesta terça-feira (7) que o prefeito ACM Neto (DEM) massacra os professores e compromete o futuro dos estudantes de Salvador. “Eu faço um desafio a Marcelino Galo para comparar o contracheque de um professor do Estado com um do Município. Assim veremos o arrocho salarial constante que o governador Rui Costa (PT) vem realizando com os docentes da rede estadual de ensino”, disse o líder do governo na Câmara Municipal de Salvador.

O vereador ainda lembrou que menos de 7% das escolas municipais estão em greve e que a grande maioria dos professores está em sala de aula. “Até porque, a maioria deles não acompanhou a direção do sindicato, que utiliza a entidade como máquina de política eleitoral, e não como uma entidade de classe, uma entidade de luta, em especial na luta pela qualidade da educação na Bahia, que a cada dia só faz piorar”.

Na última avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgada em 2016, a Bahia ocupou a 24ª posição entre as 27 unidades federativas. “Isso é o que o deputado Marcelino Galo deveria estar combatendo, o caos que se instalou na educação, na saúde e na segurança da Bahia”, finalizou Carballal.

Notícias Relacionadas