DF: Frejat lidera e quase 70% rejeitam Rollemberg

CLÁUDIO HUMBERTO

O ex-secretário de Saúde Jofran Frejat (PR) lidera com folga a disputa pelo governo do Distrito Federal com 25,4%. Em segundo, com 11,5%, aparece o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), que pode ficar fora do 2º turno porque 69,6% dos eleitores afirmam que não votariam nele “de jeito nenhum”. Em terceiro está Eliana Pedrosa (Pros), com 9,8%. Dos entrevistados, 22,6% não votariam em nenhum dos candidatos.

Jofran Frejat (PR) lidera com folga a disputa pelo governo do Distrito Federal

EFEITO BOLSONARO
General Paulo Chagas (PRP) tem 5,1%, Chico Leite (Rede) 4,9%, Izalci (PSDB), 4,4%, Alexandre Guerra (Novo), 3,2% e Joe Valle (PDT), 2%.

REJEIÇÃO GENERALIZADA
No quesito rejeição, a ex-deputada Eliana Pedrosa está nas alturas, 50,8%, mas rejeição ao líder Jofran Frejat também é alta: 43,1%.

METODOLOGIA
O Paraná Pesquisas ouviu 1.540 eleitores de 6 a 11 de julho. Margem de erro é 2,5%. Pesquisa registrada no TSE sob o nº DF-00150/2018.

APOSTA PETISTA
A estratégia petista de ingressar com múltiplos pedidos de soltura de Lula, preso por corrupção, não é apenas uma maneira de debochar do Judiciário. É uma aposta: vai que aparece outro juiz adorador de Lula…

GANGUE DOS COMBUSTÍVEIS
Sem dourar a pílula, o deputado Givaldo Carimbão (PHS-AL) acha pouco chamar de “cartel” a ação das grandes distribuidoras de combustíveis, tipo BR, Ipiranga e Shell, contra a venda direta de etanol aos postos. Prefere chamar essa turma de “gangue”.

ANP FAZ VERGONHA
A Agência Nacional do Petróleo (ANP) se associou às distribuidoras que protege para insinuar que a venda direta do etanol não garantiria “qualidade”. É mentira. As usinas são submetidas a certificados de qualidade do tipo ISO. A fiscalização da ANP é que não garante nada.

OPORTUNIDADE PERDIDA
Apesar da qualificação do novo ministro, o presidente Michel Temer perdeu outra ótima oportunidade de extinguir o Ministério do Trabalho, cuja inutilidade tem sido verificada há vários governos.

TAREFA É DE OUTRO MINISTRO
Ao empossar o novo ministro Caio Vieira de Melo, Temer disse que “a prioridade é o emprego”. Verdade. Mas o Ministério do Trabalho nada tem a ver com isso, e sim o Ministério da Fazenda.

TERRA SEM LEI
O cancelamento de multas de caminhoneiros que cometeram infrações de trânsito segue a mesma lógica de impunidade de não descontar os dias parados mesmo quando greves são consideradas ilegais.

ENFORCARAM O ANO!
A Câmara dos Deputados encerra o seu período mais improdutivo da História, com participação mínima dos parlamentares em decisões relevantes. Vai piorar no segundo semestre.

GOLPE DO TELEMARKETING
Grandes empresas e bancos atiram no pé: terceirizam para várias empresas de telemarketing a tarefa de fazer contatos simultâneos com clientes, que são atormentados com dezenas de ligações, das 7h às 23h, até fim de semana. A Anatel, como sempre, finge que não sabe.

PENSANDO BEM…
…depois de 143 habeas corpus negados de uma vez, fica a impressão que a meta dos defensores de Lula é atingir 171.

Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais.

Notícias Relacionadas