Reembolso para políticos passa de R$ 100 milhões

Plenário da Câmara dos Deputados (Foto: Agência Câmara)

CLÁUDIO HUMBERTO

Além dos salários de R$33,7 mil, os 513 deputados e 81 senadores fecharam o primeiro semestre com reembolsos de R$102,3 milhões por meio da Cota para Exercício da Atividade Parlamentar. De acordo com regras criadas pelos próprios políticos, eles têm direito a ressarcimento de até R$ 45 mil todos os meses para gastos com propaganda pessoal, almoços e jantares em restaurantes, bares, combustível, alugueis etc.

BOLADA MILIONÁRIA
Somados aos salários, os 594 deputados e senadores já nos custaram R$230,2 milhões em 2018. Sem contar o que foi pago aos suplentes.

PARA ELES NÃO HÁ CRISE
Os 513 deputados tiveram R$91 milhões ressarcidos só no primeiro semestre. Em média, cada parlamentar recebeu R$177,5 mil de volta.

SACO SEM FUNDOS
Os 81 senadores pediram e foram ressarcidos em R$11,3 milhões em apenas seis meses. A maioria deles gasta sem piedade.

‘PENDURA’ COM NOSSO BOLSO
É como se cada senador tivesse torrado R$771,58 por dia por seis meses, incluindo dias de folga, e mandado a dolorosa para pagarmos.

Notícias Relacionadas