Quintas Gregorianas apresenta espetáculo “Nois Vamo Meter Mão”

Amanda Rosa, 26 anos, é baiana da Chapada Diamantina (Foto: Jamile Araújo)

Neste mês de julho, o projeto Quintas Gregorianas faz uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino-americana e Afro-caribenha, comemorado em 25 de julho. A atração é o espetáculo “Nois Vamo Meter Mão”, que ganha a cena nesta quinta-feira, dia 5, 19h, na Galeria do Teatro Gregório de Mattos, como resultado do encontro entre a poeta e MC Amanda Rosa e a DJ DMT. A apresentação une artes visuais e performances em corpos e escrevivencias (escritas sobre vivências) de (r) existências das mulheres negras em diáspora.

No palco da exposição Gregorios, facão, arruda, caixas de som, latas de spray, projeção entre cenas de filmes e da realidade. A poesia de Amanda Rosa aparece intercalada entre beat, sound system, rap, triphop e performances da DJ DMT. Outras grandes mulheres guerreiras baianas, como Maria Felipa, Maria Quitéria e Joana Angélica, inspiram a cena numa referência à semana em que se comemora a Independência da Bahia.

Amanda Rosa, 26 anos, é baiana da Chapada Diamantina e mostra uma poesia permeada de força, cuidado, amor e o ódio que atravessam as palavras e transbordam em traps e rimas. Poeta, MC e atriz, começou com a escrita, caminhou para a poesia, chegou ao teatro e se reconheceu através da música como resistência.

Notícias Relacionadas