Suspeita de direcionamento em licitação do BB

O Banco do Brasil não explicou por que na licitação anterior o capital da agência vencedora era só R$ 250 mil.

CLÁUDIO HUMBERTO

Na licitação para a escolha de “até” quatro agências de propaganda para dividir a verba publicitária de meio bilhão de reais, em 2 de agosto, o Banco do Brasil incluiu no edital de licitação uma exigência… que só pode ser atendida por quatro agências, todas estrangeiras. A exigência é que as interessadas comprovem patrimônio líquido (lucro) de R$12,5 milhões, no mínimo. No mercado, a suspeita é de direcionamento.

CONVENIÊNCIA É TUDO
O BB alega que “a lei prevê” a exigência, mas não explicou por que na licitação anterior o capital da agência vencedora era só R$250 mil.

CAIXA SEGUIU O PADRÃO
Na licitação de R$450 milhões da Caixa, o patrimônio líquido exigido das agências participantes foi três vezes menor: R$4 milhões.

PETROBRAS SEM EXIGÊNCIAS
Na Petrobras, verba de R$550 milhões, nem se exigiu lucro mínimo. E a BR distribuidora, só R$1,5 milhão para o contrato de R$484 milhões.

SEM BATOM NA CUECA
Para dois contratos de R$205 milhões da Secretaria de Comunicação da Presidência, o lucro exigido das agências foi de R$3,057 milhões.

Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais.

Notícias Relacionadas