Vitória vence a primeira no Brasileirão contra o Vasco em São Januário

Willian Faria jogou demais no triunfo do Vitória diante o Vasco.

O Vitória fez bonito na tarde deste domingo (13), no Rio de Janeiro. No dia do aniversário do clube, que completou 119 anos, o Leão encarou o Vasco em São Januário, desesperado pela primeira Vitória no Campeonato Brasileiro 2018. E conseguiu. Venceu por 3 a 2 e poderia ter feito mais. O Vitória saiu na frente com André Lima, e Pikachu deixou tudo igual ainda no primeiro tempo. Os baianos chegaram a abrir 3 a 1 com Lucas Fernandes e, depois, Werley marcando contra. Andrés Rios diminuiu no final.

Com a derrota, o Vasco mantém os sete pontos e ocupa a sexta posição na tabela do Brasileirão (pode ser ultrapassado por Botafogo, Fluminense e América-MG, que jogam na segunda). O Cruz-Maltino tem um jogo a menos, contra o Santos, adiado para depois da Copa do Mundo. O vitória somou os primeiros três pontos e agora tem quatro, em 17º lugar (pode ser ultrapassado por Santos, que joga agora, ou Ceará, que joga na segunda). Na próxima rodada, o Cruz-Maltino enfrenta o Flamengo, sábado, no Maracanã, e o Vitória joga contra o Ceará, domingo, no Barradão.

FICHA TÉCNICA: Vasco 2 x 3 Vitória

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 13 de maio de 2018, domingo Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Cartões Amarelos: Breno, Henrique (Vasco); Willian Farias, Walisson Maia, Fillipe Soutto (Vitória)

Gols: VASCO: Yago Pikachu, aos 39 min do 1º tempo; Andrés Rios, aos 37 min do 2º tempo VITÓRIA: André Lima, aos 17 min do 1º tempo; Lucas Fernandes, aos 25, Werley (contra), aos 30 min do 2º tempo

VASCO: Martín Silva, Rafael Galhardo, Breno, Werley e Henrique; Leandro Desábato, Bruno Silva (Bruno Cosendey), Yago Pikachu e Wagner (Riascos); Caio Monteiro (Kelvin) e Andrés Rios
Técnico: Zé Ricardo

VITÓRIA: Caíque, Lucas, Kanu, Walisson Maia e Jeferson; Willian Farias, Fillipe Soutto, Rhayner (Lucas Fernandes) e Neilton; Wallysson e André Lima (Denilson)
Técnico: Vagner Mancini

Notícias Relacionadas