Para 55,3%, opinião pública influencia o STF.

Eleitores de 25 a 34 anos são os que mais acreditam na influência da opinião pública no STF

CLÁUDIO HUMBERTO

Levantamento exclusivo do instituto Paraná Pesquisa para o site Diário do Poder avaliou quanto os entrevistados acreditam que a opinião pública exerce influência sobre ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em julgamentos de casos polêmicos, como o do ex-presidente Lula: 55,3% concordam que os ministros sofrem influência e 37,3% não acreditam que os ministros são influenciados pela opinião pública.

DESCONFIANÇA
Eleitores de 25 a 34 anos são os que mais acreditam na influência da opinião pública no STF: para 56,9%, os ministros são influenciados.

CONFIANÇA
São eleitores formados no Ensino Superior os que menos acreditam na influência da opinião pública sobre o STF: 42,2% não acreditam.

SEM OPINIÃO
Foram 7,4% os que não souberam responder ou não opinaram sobre a influência da opinião pública em julgamentos polêmicos no STF.

PESQUISA REGISTRADA
O Paraná Pesquisa entrevistou 2.002 eleitores em 154 cidades de 26 estados e DF, entre 27 de abril e 2 de maio. Nº BR-02853/2018/TSE. (Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais).

Notícias Relacionadas