Delegado da Polícia Federal é assassinado após ter casa invadida

Delegado Davi Farias de Aragão é assassinado durante aniversário da filha no Maranhão (Foto: Imagem TV/GloboNews)

O delegado da Polícia Federal, Davi Farias de Aragão, 36 anos, foi assassinado, na noite desse sábado (5), por três bandidos, que invadiram a residência do policial para assaltar, segundo a Polícia Civil. O crime foi em uma casa localizada na Avenida Principal, na Praia do Meio, no bairro Araçagi, que fica no município de São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís, no fim da festa de aniversário da filha de cinco anos do delegado.

Segundo informações do Portal G1 e da GloboNews, a Polícia Federal confirmou que Davi Aragão atualmente comandava a Delegacia de Repressão aos Crimes Fazendários no Maranhão. O sepultamento está previsto para as 16h, no Parque da Saudade, no bairro Vinhais, em São Luís.

“O estimado colega era natural desta capital, tinha 36 anos, era casado e tinha duas filhas. Ingressou na Polícia Federal há mais de doze anos, com atuação exemplar e comportamento louvável, coordenou várias operações policiais e contribuiu intensamente em ações de combate ao crime. Atualmente chefiava a Delegacia de Repressão aos Crimes Fazendários”, diz trecho da nota assinada por Cassandra Ferreira Alves Parazi, pela superitendente da PF no Maranhão.

De acordo com o delegado Jefrey Furtado, plantonista na Superitendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), o latrocínio (homicídio em situação de assalto) foi por volta das 23h.

Os assaltantes invadiram a residência aproveitando uma casa vizinha, que estava desocupada no momento. Eles pularam o muro e entraram na casa da vítima, sendo dois pelo quintal e outro pela lateral. A polícia confirmou que os três chegaram a pé até o endereço e perceberam que havia movimento na casa quando um entregador deixou uma pizza pedida pelas pessoas na reunião familiar.

Fonte: Portal G1 e GloboNews< /strong>

Notícias Relacionadas