Pelourinho recebe programação especial pelo mês da música reggae

Show de Thomé Vianna e Banda Ragga abre a programação do projeto nessta sexta-feira (4)..

Neste mês de maio, várias atrações apresentam no Pelourinho homenagens ao mês do reggae e à memória do cantor e compositor jamaicano Bob Marley. A programação conta com shows e eventos gratuitos que reúnem diversos artistas locais e representantes do ritmo jamaicano em Salvador. Os eventos também fazem referência ao dia 11 de maio, data instituída, desde 2012, como Dia Nacional do Reggae.

Robert Nesta Marley, mais conhecido como Bob Marley, deixou em suas músicas um legado nas composições que falam de amor, resistência e a luta dos africanos. Entre os sucessos eternamente lembrados de Bob, estão títulos como “Is This Love”, “Three Little Birds”, “One Love” e “Redemption Song”. Na Bahia, a música reggae também conquistou adeptos da filosofia difundida por Marley e admiradores do som jamaicano, se tornando um dos principais pólos de artistas do ritmo no Brasil.

O projeto “Sons de Liberdade – Viva Bob Marley” começa nesta sexta-feira (4), com show de Thomé Vianna e Banda Ragga. O artista apresenta músicas de seu disco e canções de diferentes artistas, prometendo animar a nação regueira. “Trago um repertório bem eclético, mas na pegada sempre do reggae com algumas músicas de Bob e outros artistas como Gilberto Gil, Cidade Negra, Tribo de Jhá. entre outros”, ressalta Thomé Vianna, que se apresenta às 21h no Largo Tereza Batista, aberto ao público. As comemorações pelo mês dedicado a música reggae segue ao longo das próximas semanas com apresentações de artistas como, Leo Bazico, Dionorina, Banda Cativeiro e Badaró JamBrass.

Já o projeto ‘’Bob Marley Vive’’, que realizou sua primeira edição com Kamaphew Tawá no dia 01, ainda vai apresentar o show “Elas Cantam Bob”, com mulheres da cena reggae comandando os vocais, e trará o encontro da música reggae com o rap no comando dos artistas Makkonnn Tafari e Kainna Tawa entre outros convidados.

‘’No projeto Bob Marley Vive serão realizadas diversas atividades, visando fomentar a cultura reggae com shows, palestras, mostra de vídeos e promete movimentar o cenário local da reggae music em uma temporada de encontros de artistas, bandas e adeptos da musica revolucionaria’’ disse Jussara Santana coordenadora cultural do Movimento e Bloco Aspiral do Reggae.

A programação do Pelourinho conta com eventos realizados e apoiados pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) e do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac).

Notícias Relacionadas