Copa do Brasil: Inter, São Paulo, Atlético-MG, Náutico e Goiás avançam para a quarta fase

Em Cianorte (PR), o Colorado voltaram a bater os donos da casa por 2 a 0. (Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Os primeiros clubes classificados para a Quarta Fase da Copa do Brasil 2018 foram definidos nesta quarta-feira (14). Atuando como visitantes nos confrontos iniciados às 19h30 (horário de Brasília), Internacional-RS, São Paulo-SP e Goiás carimbaram a vaga para a próxima fase. Em Cianorte (PR), o Internacional voltou a bater os donos da casa por 2 a 0. Em Maceió, o Tricolor paulista fez 3 a 0 e despachou o CRB-AL com o placar agregado de 5 a 0. Já em Curitiba, o empate em 1 a 1 favoreceu o Goiás, que havia superado o Coritiba na ida por 1 a 0.

Atlético-MG e Náutico-PE também se garantiram na Quarta Fase da Copa do Brasil 2018. Apesar da derrota para o Figueirense-SC por 2 a 1 no tempo normal, o Galo mineiro avançou ao levar a melhor nas cobranças de pênaltis em Belo Horizonte. Já o Timbu voltou a bater o Cuiabá-MT e também conquistou a vaga. Em Cuiabá, o time pernambucano venceu por 1 a 0.

Sob os olhares de Aguirre, o São Paulo não deu chances ao CRB. Sem sentir a pressão da torcida que compareceu em peso no estádio Rei Pelé, o Tricolor saiu na frente logo aos cinco minutos com Marcos Guilherme. O time alagoano teve a oportunidade de empatar ainda no primeiro tempo, aos 28, com Neto Baiano, mas só os vistantes balançaram as redes. Na etapa final, Valdívia e Rodrigo Caio marcaram e deram números finais ao jogo: 3 a 0.

Assim como no duelo da ida, o Colorado voltou a superar o Cianorte. Desta vez, a equipe gaúcha levou a melhor fora de casa, no estádio Albino Turbay. Após um início e jogo movimentado com chances de gols para os dois lados, o Internacional ficou muito perto de abrir o marcador aos 29 minutos, mas João Gabriel defendeu a cobrança de pênalti de D’Alessandro. Aos 38, o goleiro nada pôde fazer no chute cruzado de Patrick e o time gaúcho saiu na frente. No segundo tempo, o capitão D’Alessandro deu a volta por cima, deixou o dele e fechou a vitória dos visitantes por 2 a 0.

Precisando reverter o confronto, após a derrota por 1 a 0 em Goiânia, o Coritiba recebeu o Goiás no Couto Pereira. A missão dos mandantes, porém, ficou ainda mais complicada aos 29 minutos do segundo tempo, quando Carlos Eduardo acertou um belo chute no ângulo de Wilson e fez 1 a 0. Na etapa final, o goleiro do Coxa chegou a deixar tudo igual em cobrança de pênalti, aos quatro minutos, mas o Esmeraldino segurou a pressão paranaense até o fim e avançou.

Notícias Relacionadas