970×90

Morre Bebeto de Freitas após infarto fulminante em evento do Atlético-MG

Bebeto de Freitas, diretor de administração e controle do Atlético-MG, durante lançamento do Galo FA (Foto: Bruno Cantini/ Atlético-MG)

O ex-técnico da seleção brasileira de vôlei Bebeto de Freitas morreu após sofrer um infarto durante a apresentação do time de futebol americano do Atlético-MG, onde trabalhava como diretor de administração e controle. O dirigente tinha 68 anos sofreu uma parada cardíaca e foi atendido em seguida pelo médico do clube, Marcos Vinícius.

A carreira esportiva de Paulo Roberto Freitas, o Bebeto de Freitas, é extensa: foi jogador e técnico da seleção brasileira de voleibol. Comandou a histórica geração de prata da seleção masculina em Los Angeles-1984. Além do feito, também revelou uma série de jogadores que fizeram da equipe uma seleção imbatível nos anos seguintes, como Carlão e Giovane.

Bebeto também foi o mentor de dois outros grandes treinadores do vôlei mundial: José Roberto Guimarães e Bernardinho. Depois, se sagrou campeão da Liga Mundial de 1997 e do Mundial com a Itália em 1998, até que o amor pelo Botafogo bateu mais forte em seu peito e lhe fez trocar de esporte.

Comunicado oficial do Atlético-MG:

É com muito pesar que informamos o falecimento de Bebeto de Freitas, Diretor de Administração e Controle do Atlético, nesta terça-feira.

Bebeto sofreu uma parada cardíaca, pouco depois de participar de um evento na Cidade do Galo. O Diretor foi atendido prontamente, mas não resistiu.

O clube decretou luto oficial de três dias.

Bebeto de Freitas chegou ao Atlético pela primeira vez em 1999, a convite do então diretor de futebol do clube, Alexandre Kalil. Ocupando a função de Diretor Executivo, ele permaneceu no Galo até 2001. Nesse período, o Atlético foi bicampeão mineiro, em 1999 e 2000, vice-campeão brasileiro, em 1999, e semifinalista do Campeonato Brasileiro, em 2001.

Bebeto retornou ao Galo em 2009, novamente a convite do então presidente do clube, Alexandre Kalil, para ocupar, mais uma vez, a função de Diretor Executivo.

No final de 2017, iniciou sua terceira passagem pelo clube, na função de Diretor de Administração e Controle, a convite do Presidente Sérgio Sette Câmara.

Notícias Relacionadas