PF cumpre mandados de prisão contra suspeitos de contrabando no Rio

Os mandados estão sendo cumpridos nos bairros de Copacabana, São Conrado, Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes

A Polícia Federal e a Corregedoria da Receita Federal cumprem hoje (8) cinco mandados de prisão temporária contra suspeitos de participar de um esquema de contrabando e descaminho no Aeroporto Internacional Tom Jobim/Galeão, no Rio de Janeiro. A Operação Vista Grossa também cumpre sete mandados de busca e apreensão e medidas de afastamento de servidores públicos de suas funções.

Os mandados estão sendo cumpridos nos bairros de Copacabana, São Conrado, Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, e nas cidades de Cabo Frio (RJ) e Bragança Paulista (SP).

Segundo as investigações, iniciadas há um ano, os membros da quadrilha contratavam pessoas, chamadas de mula, para trazer para o Brasil mercadorias importadas. Os nomes dessas pessoas eram enviados para servidores da Receita Federal, para que fizessem vista grossa e facilitassem a entrada de produtos no país sem o devido pagamento de impostos.

A quadrilha trazia irregularmente produtos como celulares de alto padrão e com elevado custo de aquisição. Para cada mala de viagem que passava pelo canal de inspeção aduaneira sem fiscalização eram cobrados mil dólares. Já para mochilas, 400 dólares por unidade.

—-
Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil

Notícias Relacionadas