TRT da Bahia manda a Caixa reintegrar bandido; Leia em Cláudio Humberto.

CLÁUDIO HUMBERTO

Governador do Estado entre 1947 e 1951, o sábio Otávio Mangabeira cunhou uma frase definitiva: “Pense num absurdo, na Bahia tem precedente”. O absurdo da vez, na Bahia, é a decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região que determinou a reintegração de funcionário da Caixa Econômica Federal condenado à prisão por crime contra o sistema financeiro nacional em razão do cargo de gerente.

A Justiça do Trabalho ignorou alegação da Caixa de que só podem trabalhar em banco quem não responde a processo criminal ou cível. (Foto: Reprodução)

ESTÍMULO
Como o bandido ganhou o regime semiaberto, a Justiça do Trabalho deu 48 horas à Caixa para reintegrá-lo ao sistema que ele roubou.

QUEM NÃO É?
A Justiça do Trabalho ignorou alegação da Caixa de que só podem trabalhar em banco quem não responde a processo criminal ou cível.

BOLSA BANDIDO
Admitido em 2012, o gerente condenado à prisão por maracutaia ainda recebe “auxílio reclusão” de R$ 3.384 mensais da Caixa… que roubou. (Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais).

Notícias Relacionadas