Lula deve ser monitorado para evitar sua fuga

CLÁUDIO HUMBERTO

A eventual confirmação da condenação Lula, com sua prisão imediata, vai acionar o esquema de monitoramento das forças de segurança, com o objetivo de frustrar qualquer tentativa de fuga do País. As providências são adotadas sempre que há um réu nessas condições, respondendo em liberdade a recurso de sentença que determina sua prisão. Mas a possibilidade de tumulto reforça os procedimentos.

Lula foi condenado em ação da Operação Lava Jato em Curitiba (Foto: Fotos Públicas/Filipe Araújo)

ROTAS MAPEADAS
Órgãos de inteligência mapearam rotas de fuga para países latino-americanos cujos governantes ofereceram refúgio a Lula.

O DIA D É 24
O recurso de Lula será julgado por três desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, dia 24 de janeiro.

AMEAÇAS À JUSTIÇA
Lideranças petistas mobilizando filiados e sindicalistas para “invadir” e tocar o terror em Porto Alegre, para pressionar os magistrados.

ESTRATÉGIA BURRA
Tanto Lula quanto seus advogados e adoradores insistem na estratégia pouco inteligente de desqualificar quem vai julgar o ex-presidente. (Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais).

Notícias Relacionadas

1 Comentário

  1. Bruno Silva

    Fuga é admissão de culpa praticamente. Se ele cogitasse fugir ja o teria feito né? Que a Justiça nem sempre é imparcial isso nos bem sabemos. Intimidar os juízes de nada vale. O que vale são as provas a consistência delas e a lisura dos juízes.

    Reply

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *