Bahia perde para o Sport sequência de seis jogos e cai para o 10º lugar

A derrota em Recife foi ruim para o Bahia, que interrompeu um sequência de seis jogos de invencibilidade. (Foto: EC Bahia/Divulgação)

O Bahia viu cair uma invencibilidade de seis jogos no Brasileirão 2017 ao perder para o Sport por 1 a 0, na tarde deste domingo (20), em Recife. O único gol do jogo, no primeiro tempo, foi marcado pelo atacante Marquinhos. Com 49 pontos, três a menos que o Botafogo, primeiro time na zona da Libertadores, o Bahia caiu para o 10º lugar. A próxima partida será dentro de casa, no domingo (26), às 18h, na Arena Fonte Nova, contra a Chapecoense.

Mesmo com o triunfo, o Sport não saiu da 18ª posição, mas contou com o empate entre Vitória e Cruzeiro e diminuiu a diferença para o Rubro-negro baiano, 16º, para apenas um ponto. O carrasco do Bahia foi o atacante Marquinhos.

No primeiro tempo, ainda que timidamente, o Bahia tentou levar perigo ao gol de Magrão, aos 9 minutos. Zé Rafael roubou a bola no campo ofensivo, puxou contra-ataque, mas não tocou. Finalizou da entrada de área, de esquerda, mas mandou pela linha de fundo. Depois aos 17, em cobrança de falta, Allione tentou surpreender o goleiro do Sport, mas jogou para fora.

Do outro lado, inclusive com bastante perigo, o Sport chegou duas vezes antes de abrir o placar, aos 38. Após cobrança de lateral, a defesa do Bahia não cortou a bola e Marquinhos, de esquerda, finalizou no cantinho. Jean se esticou todo, mas a bola pegou na trave e entrou. O Bahia criou uma boa chance, aos 40 minutos, mas o arremate de Edigar Junio parou em Magrão.

Aos 10, na segunda tentativa do jogo, o goleiro Jean cobrou falta com muita categoria. O goleiro Magrão, que ficou parado, apenas observou a bola acertar em cheio o travessão e não entrar. Minutos depois, Eduardo fez jogada individual, cruzou para área, só que ninguém apareceu para completar.

Eduardo, aos 19 minutos, cruzou para área de perna esquerda e surpreendeu a defesa do Sport, que parou no lance. Mendoza apareceu sozinho, de costas para o goleiro Magrão, que fechou o ângulo do atacante do Esquadrão. O camisa 17 girou, mas o arremate pegou na defesa. O Bahia tentou chegar ao empate, já com Hernane e Régis em campo, porém, não conseguiu. o Sport se fechou e segurou o resultado positivo.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 4 =