Vitória sai na frente, cede empate ao Cruzeiro e se complica no Brasileirão.

O Vitória abriu o placar, mas não segurou a pressão do Cruzeiro e acabou levando o empate. (Foto: EC Vitória/Divulgação)

O Vitória teve uma grande chance para se afastar da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Abriu logo aos 21 minutos do primeiro tempo, com David, mas cedeu o empate ao Cruzeiro. Mesmo assim, o Leão foi para cima e ainda criou chances para triunfar. Agora só restam mais duas batalhas para o Vitória decidir seu futuro na Série A.

Mesmo com o empate em 1 a 1, o Vitória se manteve fora do Z-4, mas com um jogo a mais que a Ponte Preta, que joga nesta segunda-feira (20), diante do Fluminense, fora de casa. Os próximos dois confrontos derradeiros do Vitória são diante da Ponte Preta, fora, além do Flamengo, no Barradão.

Empurrado pelo torcedor, o Vitória chegou ao primeiro gol aos 21 minutos da etapa inicial, após pênalti marcado. David, um gigante em campo, chamou a responsabilidade e abriu o placar. O primeiro tempo terminou com o time baiano na frente. No segundo tempo, porém, o Cruzeiro acabou empatando, aos 30 minutos, com Alisson. O Vitória buscou o segundo gol, com David e Tréllez, mas a bola caprichosamente não entrou.

O elenco do técnico Vagner Mancini terá uma semana sem jogos para corrigir os erros e jogar a decisão do ano, diante da Ponte Preta, fora de casa, no próximo domingo (26). O grupo terá folga nesta segunda-feira (20).

FICHA TÉCNICA

Vitória: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Geferson; José Welison, Uillian Correia (Neilton), Fillipe Soutto (Ramon) e Yago (André Lima); David e Tréllez.
Técnico: Vagner Mancini.

Cruzeiro: Fábio; Galhardo (Judivan), Léo, Murilo e Bryan; Henrique e Lucas Romero; Arrascaeta, Rafinha (Messidoro) e Alisson; Jonata (Élber).
Técnico: Mano Menezes.

Vitória 1×1 Cruzeiro (Série A – 35ª rodada)
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: 19/11/2017
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira, auxiliado por Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (trio paulista)
Cartões amarelos: Kanu, Yago e Neilton
Gols: David (Vitória); Alisson (Cruzeiro)
Público: 13.095 pagantes
Renda: R$ 140.774,00

Notícias Relacionadas