Deputado critica Embasa por negar informações sobre lançamento de esgoto no mar

Carlos Geilson: sonegar informações de interesse público à sociedade tem sido constante no governo de Rui Costa.

A recusa da Embasa em fornecer informações à Polícia Federal sobre o lançamento de esgoto sem tratamento no mar, na costa de Salvador, foi criticada pelo deputado estadual Carlos Geilson (PSDB), nesta terça-feira (14), em discurso na tribuna da Assembleia Legislativa.

Ele disse que a prática de sonegar informações de interesse público à sociedade tem sido constante na atual administração estadual, citando também o caso do laudo do Departamento de Polícia Técnica sobre as causas do desmoronamento parcial do Centro de Convenções, que ficou mais de seis meses trancado nas gavetas do Palácio de Ondina.

“É impressionante o descaso do Governo do Estado com um dos mais elementares direitos do cidadão, o de receber informações claras e verdadeiras sobre atos e ações governamentais”, salientou o deputado, em seu discurso.

A recusa da Embasa em fornecer as informações sobre o crime ambiental levou a Polícia Federal a realizar nesta terça-feira, com autorização judicial, uma operação de busca e apreensão na sede da empresa e em outros endereços, em busca de documentos.

A Justiça concedeu a autorização para a realização das buscas na sede da Embasa após a empresa se recusar a entregar documentos aos investigadores que apuram o caso, sob o argumento de que não é obrigada a produzir provas contra ela mesma.

Notícias Relacionadas

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × três =