Vitória segue implacável fora de casa, vence o Atlético-MG e sai da degola

Com gols de Neilton, Yago e Tréllez, o Vitória derrotou o Galo por 3 a 1 e fica  fora da zona do rebaixamento. (Foto: Atlético-MG/Divulgação)
Com gols de Neilton, Yago e Tréllez, o Vitória derrotou o Galo por 3 a 1 e fica fora da zona do rebaixamento. (Foto: Bruno Cantini/ Atlético-MG/Divulgação)

Mais uma vez na garra, na determinação e, acima de tudo, na aplicação, o Vitória conseguiu mais um triunfo fora de casa, ao derrotar na noite deste domingo (24) o Atlético-MG, no Estádio Independência, em Belo Horizonte. Com gols de Neilton Iago e Tréllez, o time baiano venceu por 3 a 1 e saiu da zona do rebaixamento.

Fora de casa, o Vitória comprovou que é um adversário indigesto. O triunfo diante do Galo foi o sexto dos baianos jogando fora dos seus domínios, o Barradão. Após a derrota, o Atlético-MG anunciou a demissão do técnico Rogério Micale.

Com o resultado, o Vitória deixou a zona da degola, subindo para a 16ª posição, com 29 pontos. Na próxima rodada, os baianos voltam a jogar como visitantes. Encaram o Botafogo no Engenhão, no Rio de Janeiro, domingo, às 11h. O Atlético-MG vai até Curitiba enfrentar o Atlético-PR. O duelo será no domingo que vem às 19h (de Brasília), na Arena da Baixada.

Confira os gols de Atlético-MG 1 x 3 Vitória

O Jogo começou com o Vitória em cima do Atlético-MG. Logo aos dois minutos, após jogada rápida, Neílton ficou sozinho e deixou o dele. O Galo reagiu e acabou empatando aos 17′, o que não abateu a tropa rubro-negra, que segurava o jogo e esperava as melhores chances, sempre com cautela. Na segunda etapa, o Vitória mudou um pouco de postura. Passou a atacar mais, investindo, principalmente, nas jogadas rápidas de contra-ataque. Quando os mineiros atacavam, se esbarravam na muralha chamada Caíque. O Gato Preto fechou o gol, fazendo grandes defesas. Ele ainda seria importante em outro lance, mas não é hora de contar.

Aos 20 minutos, após bobeada defensiva do Galo, Tréllez dominou, jogou na área e Yago completou. Leão na frente novamente. O Atlético Mineiro passou a atacar mais, o que não tirou a serenidade defensiva do Leão. Foi aí que o Vitória ampliou, nos acréscimos. Com uma assistência do goleiro Caíque, Tréllez fechou o placar e quebrou um recorde histórico no clube. Esta campanha se tornou a melhor do Vitória como mandante na história do Campeonato Brasileiro.

O Vitória viaja para Salvador nesta segunda-feira e os atletas ganham folga. A reapresentação está marcada para a próxima terça, pela manhã.

FICHA TÉCNICA

Atlético-MG: Victor; Alex Silva, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Otero) e Yago; Valdívia, Cazares e Luan (Marlone); Fred (Rafael Moura).
Técnico: Rogério Micale.

Vitória: Caíque; Ramon, Kanu, Wallace e Geferson; Fillipe Soutto, Ullian Correia, Yago (Renê Santos) e Neilton (Júnior); David (Kieza) e Santiago Tréllez.
Técnico: Vagner Mancini.

Atlético-MG 1×3 Vitória (Série A / 25ª rodada)
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 24/09/2017
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio, auxiliado Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (trio goiano)
Cartões amarelos: Santiago Tréllez (Vitória)
Gols: Neilton, Yago e Tréllez (Vitória); Cazeres (Atlético-MG)

Notícias Relacionadas