DF, RJ e SP têm deputados estaduais mais caros.

CLÁUDIO HUMBERTO

Os deputados estaduais mais caros do Brasil estão no Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo. Entre salários, verba de gabinete e cota parlamentar, cada deputado do DF (distritais) custa R$3 milhões por ano ao contribuinte. Ao custo de R$2,9 milhões, os cariocas ficam logo atrás, mas em situação de empate técnico, dependendo de outros auxílios. São Paulo completa o “top3” com R$2,5 milhões por deputado.

Câmara Legislativa do DF (Foto: Reprodução/CorreioWeb/Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)
Câmara Legislativa do DF (Foto: Reprodução/CorreioWeb/Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)

A DIFERENÇA
O gasto maior por deputado no Distrito Federal fica por conta da verba para contratar assessores, R$ 184 mil contra R$ 171,5 mil dos cariocas.

MAIOR DO BRASIL
Com 94 deputados estaduais, maior número do País, a assembleia de São Paulo gasta R$ 242,8 milhões por ano com seus parlamentares.

CUSTO TOTAL
No Rio, com 70 deputados, são R$ 205 milhões por ano, enquanto no DF, com apenas 24 parlamentares, são R$ 73,2 milhões por ano.

MAIS QUE O CONGRESSO
O custo com cada deputado nos dois estados e no Distrito Federal é superior ao que é gasto com os deputados federais e até senadores.

Notícias Relacionadas