Série B: América-MG vence o Náutico e segue na liderança isolada.

O América-MG vinha de derrota e com o triunfo diante do Náutico foi a 39 pontos.
O América-MG vinha de derrota e com o triunfo diante do Náutico foi a 39 pontos.

O América-MG iniciou o segundo turno da Série B da mesma forma em que terminou o primeiro: líder absoluto. O time americano entrou em campo na noite desta sexta-feira (11), bateu o Náutico pelo placar de 1 a 0 em duelo válido pela 20ª rodada, e fez a festa da torcida americana na Arena Independência. O gol da vitória americana foi marcado aos 39 minutos da primeira etapa pelo atacante Hugo Almeida, que finalizou dentro da área uma bela jogada coletiva iniciada com a tabela entre o atacante Luan e o lateral Giovanni.

Com o resultado, o América-MG conseguiu voltou a vencer e se manter na liderança, a quatro pontos do Vila Nova-GO, o que significa que não será alcançado nesta rodada. O Náutico, por outro lado, permanece na lanterna com 14 pontos e teve a reação freada.

Enfrentando um adversário que luta contra o rebaixamento, o Coelho enfrentou muitas dificuldades de vencer a bem postada defesa do Náutico, mas conseguiu mais importantes três pontos na tabela. Com o bom resultado, o time americano segue firme como líder isolado da Série B, com 36 pontos.

Agora, o América terá mais um grande desafio em busca do acesso à Série A. O Coelho encara o Goiás fora de casa, na sexta-feira (18/8), às 21h30.

FICHA DO JOGO

AMÉRICA-mg1 X 0 NÁUTICO

Estádio: Arena Independência, em Belo Horizonte

Motivo: 20ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Auxiliares: Rafael Trombeta (RS) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)

Gols: Hugo Almeida, aos 39’ do 1ºT (América).

Cartões amarelos: Giovanni (América); William Schuster (Náutico).

AMÉRICA-mg
João Ricardo; Zé Ricardo, Messias, Rafael Lima e Giovanni; Ernandes, Juninho, Renan Oliveira (Hugo Cabral) e Matheusinho; Luan e Hugo Almeida (Willian Oliveira). Técnico: Enderson Moreira

NÁUTICO
Jeferson; David (Leilson), Aislan, Breno Calixto, Feliphe Gabriel e Manoel; Amaral, Diego Miranda (Iago Silva) e Bruno Mota (William Schuster); Erick e Gilmar Técnico: Roberto Fernandes

Notícias Relacionadas