Aleluia acusa vereadora Aladilce de incitar agressão a Neto e Doria

Aleluia:  ''PT e linhas auxiliares desejam o mesmo que ocorre na Venezuela, onde a oposição é perseguida e morta.''
Aleluia: ”PT e linhas auxiliares desejam o mesmo que ocorre na Venezuela, onde a oposição é perseguida e morta.”

O líder do DEM na Câmara Municipal de Salvador, vereador Alexandre Aleluia, disse, na tarde desta terça-feira (8), que as agressões contra o prefeito ACM Neto e o prefeito de São Paulo João Dória foram uma demonstração de que PT e linhas auxiliares desejam o mesmo que ocorre na Venezuela, onde a oposição é perseguida e morta.

“Vale ressaltar que o ato foi estimulado pela vereadora Aladilce Souza, do PCdoB, a mais evidente linha auxiliar do PT. Aquilo não foi brincadeira, como alegado, mas incitação à agressão. É preciso saber diferenciar brincadeira de incitação à violência”, disse o democrata.

“Aquela infelicidade dos ovos arremessados é somente um aperitivo da violência venezuelana. Aquilo é o PT. Brincadeira? Não tem nenhuma brincadeira nessa história. O Brasil tem que escolher se quer continuar no comunismo do Foro de São Paulo, partido que congrega toda a esquerda latino-americana, ou se quer defender o Brasil. Isso vale para a Bahia também. Tem que decidir: se é ACM Neto ou Rui Maduro. Ou ACM Neto ou a violência de Gleisi e do condenado a nove anos”, disse Alexandre Aleluia.

Quando foi questionado se haverá revide quando Lula estiver em Salvador, o democrata foi enfático: “Não haverá retaliação a Lula. Falta isso aqui na Casa. Votei contra a homenagem a Lula, contra o título a Che Guevara, mas respeito o que define a casa legislativa. Mas o DNA do PT e demais linhas auxiliares está muito distante da democracia”.

Ao comentar o que dizem defender os petistas, comentou: “Eles não amam o Brasil. Eles não amam o povo, a liberdade. Amam uma abstração chamada povo, uma abstração chamada liberdade, uma abstração chamada justiça social. Eles só amam duas coisas: o partido e o mito do condenado a nove anos”.

Notícias Relacionadas