Série B: Guarani é derrotado em casa pelo Londrina e cai para o 3º lugar.

O Guarani perdeu a invencibilidade jogando no Brinco de Ouro, no Campeonato Brasileiro da Série B. Na tarde deste sábado (29), o Bugre recebeu o Londrina, pela 17ª rodada da segunda divisão nacional e foi derrotado de virada, pelo placar de 3 a 2. Apesar de sair na frente, o alviverde não conseguiu segurar o resultado e sofreu seu primeiro revés na segundona.

O Guarani perdeu a invencibilidade que tinha no Brinco de Ouro. (Foto: Guarani/Divulgação)
O Guarani perdeu a invencibilidade que tinha no Brinco de Ouro. (Foto: Guarani/Divulgação)

Com o resultado a equipe caiu para a terceira colocação com 28 pontos ganhos em 17 rodadas disputadas. O próximo confronto do Bugre é na terça-feira (01), em Lucas do Rio Verde, contra o Luverdense.

O Jogo – Após o empate com o CRB, no último fim de semana, o Guarani teve uma semana toda para se preparar para enfrentar o Londrina, nesta sábado (29), no Brinco de Ouro. Com algumas baixas, o técnico Vadão teve que mudar a equipe. Genilson entrou na vaga de Ewerton Páscoa e Gabriel Leite no lugar de Auremir. O Bugre foi a campo com: Leandro Santos;Lenon, Diego Jussani, Genilson e Gilton; Richarlyson, Evandro, Gabriel Leite, Bruno Nazário e Fumagalli; Caíque.

A partida começou lenta e no final da primeira etapa começou melhorar. Aos 2?, Richarlyson aproveitou o rebote e de primeira levou perigo à César. O início do jogo era de estudo entre ambos os times porém o Bugre encontrou o primeiro gol. Aos 18?, Gilton cobrou lateral para área, Caíque desviou na primeira trave e Bruno Nazário apareceu sozinho para abrir o marcador.

O gol alviverde acordou o Londrina. Aos 23?, Celsinho cobrou escanteio, Artur subiu sozinho e cabeceou à queima-roupa. Leandro Santos salvou. Após o esboço de reação do adversário, o Guarani encontrou o segundo gol. Aos 30?, Fumagalli cobrou escanteio, Nazário desviou na primeira trave, Genilson dominou de direita e chutou de esquerda para ampliar.

O jogo parecia se encaminhar para uma vitória tranquila para o alviverde. Mas aos 39?, Jardel chutou a bola no ombro de Jussani e o árbitro assinalou pênalti. Belusso cobrou e diminuiu o marcador. O Bugre ainda teve a chance de ampliar ainda na primeira etapa. Aos 44?, Caíque sofreu falta dentro da área, o árbitro mandou seguir e no rebote Lenon obrigou o goleiro adversário colocar para fora.

A segunda etapa começou diferente e o Bugre assustou logo no começo. Aos 2?, Gilton fez ótima jogada, cruzou para trás, Caíque limpou e chutou no rosto de César, a bola desviou e saiu. O Londrina respondeu na sequência. Aos 3?, Igor Miranda invadiu a área, chutou cruzado, a bola passou por Celsinho e Belusso e se perdeu em linha de fundo. Aos 6?, Igor Miranda, dessa vez pela esquerda, invadiu a área e chutou com muito perigo.

O Londrina pressionava o Guarani e por pouco não empatou. Aos 11?, Igor Miranda deixou Belusso na cara do gol, o atacante chutou na saída de Leandro mas errou o alvo. Tentando mudar a situação do jogo, Vadão colocou Luiz Fernando, Denner e Eliandro nos lugares de Gabriel Leite, Fumagalli e Caíque. O Bugre melhorou, levou perigo mais três vezes com Nazário e Luiz Fernando mas mesmo assim não conseguiu ampliar.

O empate veio logo após as boas descidas do Guarani e esfriou o ímpeto alviverde. Aos 33?, Artur cobrou escanteio, a bola passou por todo mundo e encontrou Edson Silva no segundo poste para igualar o marcador. O empate fez o Bugre se lançar ao ataque em busca da vitória, com isso o Guarani deu campo ao adversário e o golpe final veio aos 40?. Carlos Henrique recebeu, ganhou da marcação e chutou firme para fazer o terceiro e colocar números finais no jogo.

Notícias Relacionadas