Lauro de Freitas: Cuidadores protestam contra quebra de acordo da prefeita

Os profissionais cuidadores da educação municipal de Lauro de Freitas procuraram o ASPROLF Sindicato dos Trabalhadores Municipais da Educação de Lauro de Freitas (Região Metropolitana de Salvador), para denunciar a quebra de acordo da prefeita Moema Granacho, feita em mesa com a categoria na reunião do dia 29 de maio deste ano, quando se comprometeu a incluir na folha de pagamento, ticket refeição (para os profissionais que cumpre 40h), e o vale transporte, retroativo ao mês de abril.

A prefeita Moema Granacho é acusada de não cumprir acordo com os cuidadores de educação.
A prefeita Moema Granacho é acusada de não cumprir acordo com os cuidadores de educação.

Por conta disso, ontem (5) a categoria fez um protesto em frente à prefeitura para cobrar do Executivo uma resposta para o problema. Convidados pela presidente da Câmara, Naide Brito, o Coordenador Geral do ASPROLF, Valdir Silva, reuniu os Cuidadores dentro da Casa Legislativa para discutir a questão com o secretário de administração Ailton Florêncio, que disse estar por fora dos acontecimentos na educação.

A representante da classe, Marilene Moura, falou sobre a quebra de acordo da prefeitura e pediu uma data definitiva para que os valores devidos sejam pagos. Outros trabalhadores também aproveitaram para relatar várias situações que estão impedindo o trabalho da categoria, como a falta material básico para o cuidado com as crianças, problema para abrir a conta salário na CEF e o mau atendimento no RH da prefeitura. Florêncio disse que vai levar todas as queixas à SEMED para que ela resolva.

Ele ainda se comprometeu a dar uma resposta definitiva nesta quinta-feira (6) a todas essas pendências, inclusive sobre a liberação de uma folha de pagamento complementar, a fim de quitar essa dívida com os cuidadores.

Notícias Relacionadas