Palmeiras empata após levar 3-0 do Cruzeiro no primeiro tempo

O jogo foi eletrizante: o Cruzeiros ganhou o primeiro tempo por 3 a 0.  O Palmeiras fez 3 a 0 no segundo tempo e o placar ficou igual.
O jogo foi eletrizante: o Cruzeiros ganhou o primeiro tempo por 3 a 0. O Palmeiras fez 3 a 0 no segundo tempo e o placar ficou igual.

Agência FPF

Após sair perdendo por 3 a 0, o Palmeiras fez um grande segundo tempo e empatou com o Cruzeiro por 3 a 3, em partida realizada na noite desta quarta-feira, no Allianz Parque, pela partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Para sair classificado, o Palmeiras precisará vencer o Cruzeiro no jogo de volta, marcado para o dia 26 de julho, às 21h45, no Mineirão. Empate por menos de três gols dá a classificação para o Cruzeiro.
O time mineiro não deixou o Palmeiras se aproveitar da pressão de seus torcedores, foi para cima e, na base do contra-ataque, precisou de seis minutos para abrir o marcador em pleno Allianz Parque. Aos seis minutos, Diogo Barbosa fez bela jogada e cruzou para Thiago Neves inaugurar o marcador.

A pressão seguiu intensa e o 2 a 0 veio aos 19 minutos. Thiago Neves tocou para Rafael Sóbis, que acionou Lucas Romero. O volante cruzou na Mérida para Robinho marcar o seu centésimo gol na carreira, bem diante de sua ex-equipe.

A equipe celeste ainda fez o terceiro aos 30 minutos. Thiago Neves deixou Alisson na frente de Fernando Prass. O atacante, que acabara de renovar contrato até 2021, tocou por cima do goleiro palmeirense para fazer 3 a 0. O Palmeiras esboçou uma reação no fim, mas não conseguiu passar pela marcação rival.

O Palmeiras se transformou no segundo tempo. Cuca teve que fazer uma substituição forçada: Guerra sentiu uma lesão e deixou o campo para a entrada de Borja. Pressionado, o atacante entrou muito bem e iniciou a jogada do primeiro gol. O camisa 9 tocou para Dudu, que rolou de calcanhar para Zé Roberto. O lateral chutou em cima na barreira. Na sobra, o mesmo Dudu completou para o fundo das redes.

O segundo saiu na sequência. Egídio mandou a bola para a área, que ficou viva. Dudu aproveitou o rebote para fazer o seu segundo no confronto. O Cruzeiro sentiu o baque, afrouxou a marcação e permitiu o empate. Antes, porém, Fábio já havia feita defesa milagrosa numa bicicleta de Willian.

Aos 19 minutos, Egídio cobrou falta para dentro da área. Após bate e rebate, Willian acertou um lindo chute para deixar tudo igual, 3 a 3. Após o empate, o Palmeiras tirou o pé do acelerador, e o duelo voltou a ficar equilibrado.

As equipes voltam a se enfrentar em 26 de julho, no Mineirão, às 21h45.

Notícias Relacionadas