Vitória começou bem e acabou péssimo, por Reinaldo Oliveira

Reinaldo Oliveira
Reinaldo Oliveira: siga no Twitter – @reinaldo oliveira

REINALDO OLIVEIRA
Radialista Esportivo e
Repórter da Super Rádio Cristal

Vou começar hoje com uma frase que cabe muito bem ao momento.
“Não basta começar bem. Tem que terminar bem”.

Usei a frase para retratar o jogo em que o Vitória foi derrotado pelo Santos.

MELHOR EM CAMPO: Uillian Correa
PIOR: Fred

ANÁLISE
Começou bem, apertando o santos, linhas compactas e avançadas, porém não basta ter essas virtudes se o poderio ofensivo deixa a desejar como deixou hoje.
Muitas jogadas pelos lados, pelo meio, de longe, de perto, mas nada de perigo ao goleiro Vanderlei.
Lembrando quando eu falo o perigo da Série A? Faça seus gols lá na frente porque, mesmo o time assustado, como estava o Santos nos 20 primeiros minutos, cria uma chance lá na frente e faz o gol, ainda mais com falha individual, mais uma vez, Fred deu passe errado no pé de Bruno Henrique que achou Copete no meio para marcar um golaço, no adiantado Fernando Miguel.

Depois do gol, o esquema bem montado do Gallo foi por água abaixo.

No segundo tempo ele tentou mudar a história do jogo, mas voltamos ao fraco poderio ofensivo, sendo que Kieza não estava numa noite feliz, e não criou.

uillian-correa

Teve um lance do outro lado de onde estava que me pareceu pênalti, mas vendo o lance com os amigos da TV, lance legal.

Santos, que não tem nada a ver com isso, e muito veloz por sinal, se aproveitou do time estabanado que ficou nos 15 minutos finais onde até Kanu se mandou pro ataque. Num contra-ataque pelo lado esquerdo do Peixe, Fred chegou inteiro porém errou na dividida, e Bruno Henrique achou Copete livre para mandar pro fundo.

Em um bate-rebate na área do Santos, a bola bateu no braço do defensor e o árbitro, ah árbitro que segura o jogo e deixa o tempo correr, marcou pênalti. Kieza, artilheiro do Vitória na Série A, chutou no travessão.

Depois foi só esperar o apito do árbitro para lamentar mais um péssimo resultado em casa. Derrota pro Corinthians e Coritiba na Arena Fonte Nova, empate com Botafogo e derrota agora pro Santos. São 11 pontos já perdidos em casa. São pontos irrecuperáveis.

OBS: Neilton joga bola, tem habilidade e é muito inteligente, porém não será o Marinho de 2016. Tem que ser mais participativo.

Com esse resultado, o Vitória caiu para 18ª colocação com apenas 8 pontos em 27 disputados.

PRÓXIMO JOGO

  • Atlético-PR X Vitória (*)
  • SÉRIE A
  • Domingo (25/06
  • Horário: 16h
  • (*)Arena da Baixada
  • Notícias Relacionadas