Libertadores: Atlético-MG goleia o Sport Boys e fica perto da vaga.

O Atlético-MG se aproximou da classificação às oitavas de final da Conmebol Libertadores Bridgestone ao golear o Sport Boys por 5 a 1, pela 5ª rodada do Grupo 6. A partida foi disputada na noite desta quarta-feira (3), no estádio Ramón Tahuichi Aguilera, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, onde a torcida alvinegra marcou presença e cantou mais alto que os donos da casa.

O próximo desafio alvinegro pela competição continental será em 15/5 (terça-feira), contra o Godoy Cruz, em Belo Horizonte. (Foto: Atlético-MG/Divulgação)
O próximo desafio alvinegro pela competição continental será em 15/5 (terça-feira), contra o Godoy Cruz, em Belo Horizonte. (Foto: Atlético-MG/Divulgação)

Com o resultado, o Galo retomou a liderança do Grupo 6, com dez pontos, mesma pontuação do Godoy Cruz, que receberá o Libertad, quinta-feira, na Argentina, ainda pela 5ª rodada. O time paraguaio soma quatro pontos, contra apenas um do Sport Boys.

O próximo desafio alvinegro pela competição continental será em 15/5 (terça-feira), contra o Godoy Cruz, em Belo Horizonte. O Atlético-MG volta a campo neste domingo para decidir o Campeonato Mineiro, em clássico que será disputado às 16h, na Arena Independência.

O Galo começou a partida impondo seu ritmo e, logo no primeiro minuto, Otero finalizou na trave. No ataque seguinte, Marcos Rocha cruzou pela direita e Rafael Moura cabeceou para a defesa do goleiro Arias, mas a arbitragem assinalou impedimento do atacante atleticano.

O placar foi aberto pelo Atlético logo aos dez minutos, quando Cazares recebeu lançamento de Rafael Moura e tocou na saída do goleiro: Galo 1 x 0.

Três minutos depois, Otero cobrou falta com perigo pela direita e Felipe Santana quase alcançou a bola, que acabou atravessando a pequena área.

Aos 16, Otero roubou a bola no meio-campo, aos 16 minutos, puxou o contra-ataque e tocou para Rafael Moura finalizar no ângulo e ampliar a vantagem atleticana: Galo 2 x 0.

Otero sofreu falta pela direita aos 20 minutos, ele mesmo fez a cobrança e a bola explodiu na barreira. Em nova cobrança de falta, o venezuelano fez o levantamento para a área, mas a bola foi muito forte e saiu pela linha de fundo.

Cazares cruzou rasteiro pela esquerda e o goleiro fez a defesa nos pés de Rafael Moura. O Galo voltou a levar perigo aos 39 minutos, em lance que Otero cruzou pela direita e Rafael Moura quase conseguiu concluir de cabeça.

Aos 40 minutos, o árbitro marcou toque de mão de Leonardo Silva na grande área, pênalti que Castillo cobrou para diminuir o marcador: 2 x 1.

O Atlético teve mais uma boa oportunidade aos 44 minutos, na falta sofrida por Cazares. O próprio equatoriano fez a cobrança, o zagueiro tirou de cabeça e a bola pegou no braço de outro jogador boliviano, mas o árbitro não marcou pênalti.

SEGUNDO TEMPO

O técnico Roger Machado manteve a equipe para a etapa final. Assim como no primeiro tempo, Otero finalizou logo no primeiro minuto e acertou novamente a trave.

Aos quatro minutos, Cazares recebeu passe de Outro, invadiu a área e parou na defesa do goleiro Arias. Dez minutos mais tarde, Otero fez boa jogada pela esquerda e finalizou por cima do gol.

O Atlético ampliou o placar aos 15 minutos. No lance, Adilson fez lançamento para a entrada da área, Elias ajeitou de peito e Rafael Moura chutou na trave. Elias pegou o rebote e completou para o gol: Galo 3 x 1.

Otero cobrou falta de longa distância, aos 17 minutos, e contou com a falha do goleiro para fazer o quarto gol atleticano: 4 x 1.

Leonardo Silva foi substituído por Erazo, aos 21 minutos. Em seguida, foi a vez de Marcos Rocha deixar o campo para a entrada de Carlos César.

Aos 25, Adilson acertou bom passe para Otero, mas a arbitragem marcou impedimento do venezuelano. No minuto seguinte, Cazares recebeu de Carlos César na grande área pela direita e tentou cruzar para Rafael Moura, mas a bolsa saiu com muita força.

Yago entrou no lugar de Rafael Carioca, aos 30 minutos. Aos 37, Otero sofreu falta que ele mesmo cobrou e a bola explodiu na barreira.

Azares fez o quinto gol aos 43 minutos, recebendo bom passe de Yago e tocando na saída do goleiro: Galo 5 x 1.

Otero ainda teve chance de aumentar aos 46 minutos, mas finalizou para fora.

FICHA TÉCNICA

SPORT BOYS (BOL) 1 x 5 ATLÉTICO

Motivo: Conmebol Libertadores Bridgestone – Grupo 6 – 5ª rodada
Data: 03/05/2017
Hora: 19h30
Estádio: Ramón Tahuichi Aguilera
Cidade/País: Santa Cruz de la Sierra / Bolívia
Gols: Cazares (10’ – 1ºT)(43’ – 2ºT), Rafael Moura (16’ – 1ºT), Castillo (41’ – 1ºT), Elias (15’ – 2ºT), Otero (17’ – 2ºT)
Árbitro: Jesús Valenzuela Sáez
Auxiliares: Carlos Lopez e Elbis Gomes
Cartões amarelos: Rafael Carioca, Otero (Atlético); Galindo, Messidoro, Candia (Sport Boys)

Sport Boys
Carlos Arias; Zampiery, Meleán, Cristian Coimbra e Galindo; Capdevilla, Messidoro, Edivaldo Rojas e Guery García; José Castillo (Leonardo Vaca) e Tenorio (Ovejero). Técnico: Pablo Caballero.

Atlético-MG
Victor; Marcos Rocha (Carlos César), Leonardo Silva (Erazo), Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Adilson, Elias e Otero; Cazares e Rafael Moura. Técnico: Roger Machado.

Notícias Relacionadas