Vitória demite Argel Fucks à véspera de decidir título estadual contra o Bahia

O técnico Argel Fucks não é mais treinador do Vitória. Ele não resistiu à derrota no Ba-Vi do último domingo, e consequente eliminação da Copa do Nordeste, e foi demitido na tarde desta segunda-feira, após reunião que envolveu membros da diretoria rubro-negra. O comando da equipe fica a cargo do auxiliar Wesley Carvalho.

A demissão de Argel  ocorre dois dias antes da primeira partida contra o Bahia, pela final do Campeonato Baiano.  (Foto: EC Vitória/Divulgação)
A demissão de Argel ocorre dois dias antes da primeira partida contra o Bahia, pela final do Campeonato Baiano. (Foto: EC Vitória/Divulgação)

”Está confirmado [que Argel foi demitido]. Wesley Carvalho assume o time nesses dois jogos. Não existe nome [de outro treinador], ninguém foi contatado. Nosso foco é nesses dois jogos”, afirmou o diretor de futebol rubro-negro, Sinval Vieira, ao GloboEsporte.com.

A demissão ocorre dois dias antes da primeira partida contra o Bahia, pela final do Campeonato Baiano. Informações de bastidores dão conta de que nomes como Carlos Amadeu, Petkovic e Péricles Chamusca estão entre os desejados para o comando rubro-negro.

Argel foi protagonista de uma confusão ocorrida após o clássico realizado no fim de semana, na Arena Fonte Nova. Na saída de campo, o técnico e o volante Edson, do Bahia, que haviam se desentendido no clássico da última quinta-feira, bateram boca, o que iniciou um tumulto [assista ao vídeo abaixo]. O técnico Guto Ferreira, inclusive, perdeu os óculos no meio do bate-boca. Seguranças dos dois times e policiais militares precisaram fazer uma espécie de cordão de isolamento no caminho até os vestiários.

Fonte: Globoesporte.com

Notícias Relacionadas