Moraes Moreira comemora aniversário de 70 anos em pleno Carnaval

Moraes Moreira afirma que o aumento significado de atrações gratuitas nos circuitos carnavalescos que vem ocorrendo nos últimos anos é uma vitória do povo e dos artistas. (Foto: Valter Pontes/Agecom/Divulgação)
Moraes Moreira afirma que o aumento significado de atrações gratuitas nos circuitos carnavalescos que vem ocorrendo nos últimos anos é uma vitória do povo e dos artistas. (Foto: Valter Pontes/Agecom/Divulgação)

Na vanguarda do Carnaval de Salvador e considerado o primeiro cantor de trio elétrico da história, o cantor e compositor Moraes Moreira terá um motivo a mais para desfilar na folia de 2017: os 70 anos de idade a serem completados em julho. O artista vai aproveitar para antecipar a festa de aniversário e comemorar décadas de sucesso junto com o folião pipoca. O cantor mantém a tradição de se apresentar sem cordas na festa e desfila neste domingo (26) e na terça-feira (28), no Circuito Dodô (Barra/Ondina). Ele comanda a pipoca com apoio da Prefeitura.

“Estou com uma banda maravilhosa, além da parceria muito importante com meu filho Davi Moraes. Tenho toda uma história no Carnaval. Fui considerado por Dodô e Osmar o primeiro cantor de trio em 1975. Tenho um número imenso de sucessos, como ‘Vassourinha’ e ‘Chame Gente’, considerada o hino da Bahia”, explicou Moraes sobre o motivo da escolha em homenagear a si próprio na folia.

Adepto do Carnaval sem cordas, Moreira afirma que o aumento significado de atrações gratuitas nos circuitos carnavalescos que vem ocorrendo nos últimos anos é uma vitória do povo e dos artistas que, assim como ele, lutaram para que esse momento acontecesse. “O Carnaval é do povo. Essa história de corda não cola mais não, nem o turista mesmo quer. Se a cidade não tomasse essa atitude, a Bahia ia começar a perder espaço”, completou. O cantor explicou que os grandes blocos de trio já tiveram o seu momento de protagonismo, mas que chegou a hora da sociedade compreender que “quem faz o Carnaval é o povo e que o povo é o Carnaval”.

Entre os momentos mais marcantes que já vivenciou durante as edições da folia momesca, o cantor relembra que o Carnaval de 1975 foi um dos mais especiais da sua carreira. Na época, os amigos Dodô e Osmar colocaram um pombo com as asas abertas na frente do trio fazendo analogia a música “Pombo Correio”, lançada por eles. Para quem não sabe, uma curiosidade: a letra da canção elaborada por Moraes foi feita tendo como base a música instrumental “Double Morse”, composta pela dupla responsável pelo trio elétrico em 1968.

Questionado sobre a turnê que vem realizando desde 2016 com o grupo Novos Baianos após quase 20 anos afastados, Moraes explicou que o reencontro com os amigos no palco ocorreu de uma forma mágica. “Foi linda e está sendo linda a turnê que estamos fazendo com os Novos Baianos. Nós vamos continuar a excussão e a cada show que fazemos nós recuperamos mais ainda a intimidade com muita facilidade. Cada vez que botamos o show na estrada a gente fica mais à vontade. Vamos fazer enquanto a gente tiver vontade” finalizou.

Notícias Relacionadas