Cruzeiro goleia o Tupi por 4 a 0 na volta do time titular

Em tarde de grande exibição, o Cruzeiro confirmou sua terceira vitória no Campeonato Mineiro com uma goleada sobre o Tupi, em Juiz de Fora. Com gols de Rafael Sóbis (2), Léo e Robinho, o Maior de Minas aplicou 4 a 0 na equipe adversária e assumiu a liderança do estadual de forma provisória. Esta foi a quinta vitória estrelada em cinco jogos na temporada, aproveitamento de 100%.

(Foto: Felipe Couri /  Cruzeiro / Divulgação)
(Foto: Felipe Couri / Cruzeiro / Divulgação)

Agora, o time estrelado muda seu foco para a estreia na Copa do Brasil, contra o Volta Redonda, na quarta-feira, fora de casa.

O jogo – O Cruzeiro iniciou imprimindo ritmo forte. Logo aos 6 minutos, Robinho encontrou De Arrascaeta dentro da área. O uruguaio girou e chutou para defesa de Gideão. No minuto seguinte, Rafael Sóbis recebeu passe de Ezequiel e chutou rasteiro, para nova intervenção do goleiro adversário.

A resposta do time da casa veio aos 10. Após cobrança de falta, Rafael saiu do gol e afastou o perigo. O jogo continuou movimento. Aos 12, contra-ataque rápido do Tupi. Juninho saiu cara a cara com Rafael que, fora da área, fez defesa parcial. No rebote, Alisson fez rápida composição e salvou o que seria o gol do adversário.

Um minuto depois, Robinho deixou Diogo Barbosa em boas condições. O lateral esquerdo celeste chutou cruzado, mas a zaga adversária cortou.

Aos 15, nova chance celeste. Rafael Sóbis bateu escanteio pela esquerda, a defesa cortou parcialmente, mas a bola caiu nos pés de Robinho. O camisa 19 deu um chapéu no zagueiro, mas chutou por cima do gol.

Na jogada seguinte, Alisson arrancou pelo meio, limpou a zaga e chutou com perigo sobre o gol de Gideão.

Depois de grande pressão, o gol celeste. Rafael Sóbis, em cobrança linda de falta, abriu o placar em forte chute da intermediária: 1 a 0 para o Maior de Minas, aos 19 minutos.

Aos 26 minutos, mais um gol do maior time de Minas. Ezequiel cruzou com capricho e encontrou Léo no meio da zaga adversário. O camisa 3 escorou de cabeça e fez seu 17º gol com o manto celeste.

O time celeste administrou o resultado, controlou o jogo e quase chegou ao terceiro gol aos 43. Ezequiel cruzou a bola, mais uma vez, na medida para De Arrascaeta. O camisa 10 subiu mais que os defensores adversários e cabeceou no travessão.

Se o uruguaio ficou no quase, Robinho conferiu. Ariel Cabral começou a jogada pela esquerda e acionou Sóbis. O camisa 7, em um toque de letra, desmontou a defensiva adversária e encontrou Robinho que, da entrada da área, chutou rasteiro, no canto, para anotar o terceiro tento azul no jogo, decretando o placar parcial em 3 a 0.

Segundo tempo – Aos 4 minutos, bola de pé em pé. Rafael Sóbis abriu o jogo para Robinho na direita. O meia tocou para o meio da área, Alisson fez o corta-luz e De Arrascaeta chutou por cima.

O time celeste continuou acuando ao adversário. Em cobrança de falta ensaiada, De Arrascaeta, mais uma vez, ficou no quase. O camisa 10 cobrou falta com categoria e acertou a trave direita de Gideão.

Aos 11, Alisson tabelou com Rafael Sóbis e finalizou com perigo, à esquerda da meta adversária.

O time da casa teve sua primeira chance na etapa complementar aos 13 minutos, em cobrança de falta. Bruno Santos bateu colocado e exigiu boa defesa de Rafael.

O Cruzeiro, mesmo com ótima vantagem, continuou ditando o ritmo da partida. Aos 16, De Arrascaeta saiu cara a cara com Gideão, mas chutou em cima do arqueiro do time de Juiz de Fora.

Aos 22 minutos, Sóbis bateu escanteio rapidamente para Alisson, que chutou para defesa do goleiro. No rebote, Robinho arriscou de primeira e exigiu nova intervenção de Gideão, bastante acionado no jogo.

No minuto seguinte, De Arrascaeta limpou a zaga e rolou a bola para Robinho. O camisa 19, desta vez, preferiu o passe e encontrou o capitão Henrique na entrada da área que, de primeira, chutou para mais uma defesa do arqueiro do Tupi.

A partir dos 25 minutos, Mano Menezes promoveu alterações na equipe. Rafinha entrou no lugar de Alisson; Fabrício no posto de Diogo Barbosa e Elber ocupou a vaga de De Arrascaeta.

Em seu primeiro lance no jogo, Elber aproveitou longo lançamento de Robinho e cabeceou por cobertura. A bola, mais uma vez, beijou a trave.

Uma das principais figuras em campo, Rafael Sóbis anotou seu segundo gol no jogo nos acréscimos. O camisa 7 arrancou pelo meio de campo, driblou Edmário e chutou forte, dando números finais à partida.

Com a vitória, o Cruzeiro chegou aos nove pontos em três jogos no Mineiro e assumiu a liderança provisória da competição.

TUPI 0 x 4 CRUZEIRO
Motivo: 3ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 11/02/2017, sábado
Local: Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora-MG
Árbitro: Renato Cardoso Conceição – MG
Público pagante: 5.406
Público presente: 6.037
Renda: R$ 128.160,00
Gols: Rafael Sóbis aos 19, Léo aos 26 e Robinho aos 47 minutos do primeiro tempo; Rafael Sóbis aos 46 do segundo tempo.

Tupi: Gideão; Eller, Elivelton, Edmário e Bruno Santos; Marcel (Leandro Ferreira), Bonilha e Juninho (Sávio); Matheus Pato, Flávio Caça-Rato (Jajá) e Carlos Júnior. Técnico: Éder Bastos

Cruzeiro: Rafael; Ezequiel, Léo, Kunty Caicedo e Diogo Barbosa (Fabrício); Henrique, Ariel Cabral, Robinho, De Arrascaeta (Elber) e Alisson (Rafinha); Rafael Sóbis. Técnico: Mano Menezes
Cartões amarelos: Carlos Júnior e Marcel (Tupi); Diogo Barbosa e Léo (Cruzeiro)

Notícias Relacionadas