970×90

Eduardo Cunha diz a Sérgio Moro que tem aneurisma como D. Marisa

Eduardo Cunha  chega para prestar depoimento à Justiça Federal em Curitiba (PR)  (Foto: Paulo Lisboa/Brazil Photo Press/Reprodução/O Globo)
Eduardo Cunha chega para prestar depoimento à Justiça Federal em Curitiba (PR) (Foto: Paulo Lisboa/Brazil Photo Press/Reprodução/O Globo)

Ao chegar para seu primeiro depoimento ao juiz Sérgio Moro, o ex-presidente da Câmara e deputado cassado Eduardo Cunha leu uma carta em que diz ter um aneurisma como o de dona Marisa Letícia, segundo sua defesa. Cunha disse então que precisa de cuidados que não seriam possíveis no Complexo Médico Penal de Pinhais, em Curitiba, onde está preso desde outubro.

O Ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Edson FachinEdson Fachin estreia na Lava-Jato e mantém Genu preso
Cúpula do PMDB. Jucá, Renan e Sarney juntos em reunião no Palácio do Planalto, em 2012Janot pede abertura de inquérito para investigar Renan, Sarney e Jucá
Ao fim da audiência, a defesa protocolou na Justiça Federal de Curitiba um pedido de liberdade de Eduardo Cunha.

O ex-deputado prestou depoimento sobre a acusação de que recebeu R$ 5 milhões em propina referentes ao esquema envolvendo o projeto do campo de petróleo de Benin, na África, segundo as investigações da Operação Lava-Jato. A defesa disse ao jornal O Globo que desconhecia o teor da carta levada por Cunha ao juiz Sérgio Moro. O ex-deputado ainda levou um calhamaço de papéis para que fossem consultados durante seu depoimento. (Jornal O Globo/Gustavo Schmitt)

Notícias Relacionadas