Ação de cambistas no Terminal Náutico gera conflitos e revolta usuários

Os cambistas estão atuando livremente no Terminal Náutico. Os usuários da travessias Salvador-Mar Grande são prejudicados, porque as passagens do transporte clandestino para Morro de São Paulo são utilizadas para se furar a fila de passageiros normal. (Fotos: Operadores de Morro de São Paulo)
Os cambistas estão atuando livremente no Terminal Náutico. Os usuários da travessias Salvador-Mar Grande são prejudicados, porque as passagens do transporte clandestino para Morro de São Paulo são utilizadas para se furar a fila de passageiros normal. (Fotos: Operadores de Morro de São Paulo)

O movimento na travessia Salvador – Mar Grande é moderado na manhã desta sexta-feira (6), mas a previsão da Astramab – Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab) é de que o movimento aumenta a partir das 13h, no sentido da capital para a Ilha de Itaparica, com o embarque daqueles que vão passar o final de semana em localidades da Ilha de Itaparica. O sistema opera com oito embarcações e saídas a cada 30 minutos. A travessia está em funcionamento desde as 5h. O sistema funcionará nesta sexta até as 20h, que é a última saída de Salvador. De Mar Grande para a capital a última saída será às 18h30.

Cambistas/Transporte Clandestino – Nos guichês do Terminal Náutico da Bahia, no Comércio, a procura de passagens para a linha Salvador-Morro de São Paulo é considerada muito boa e a previsão é de que os catamarãs zarpem com ocupação completa.

A Astramab segue alertando aos usuários para que evitem comprar passagens para o Morro fora dos guichês devido à ação de cambistas que atuam com o transporte clandestino e que agem fortemente nos finais de semana e feriadões. A atuação dos cambistas vem sendo denunciada com frequência pela imporensa. Na última segunda-feira, por exemplo, a Rádio Metrópole mostrou denúncias de vários usuários, que mostraram cambistas vendendo passagem na porta do terminal e furando a fila normal.

A Socicam, que administra o terminal, e a Agerba, agência que fiscaliza o transporte marítimo, já têm conhecimento da irregularidade praticada pelos cambistas, que comercializam passagens livremente na porta e até mesmo no interior do Terminal Náutico e em todo o entorno do terminal. Mas até o momento a Socicam e a Agerba nada fizeram. A ação dos cambistas tem gerado conflitos com usuários, já que o transporte clandestino consegue furar a fila da linha Salvador-Mar Grande.

A viagem para o Morro direta de catamarã dura 2h20 e a passagem custa R$ 95,20. Os próximos horários oferecidos são os seguintes: Saídas de Salvador – 8h30, 9h, 10h30, 13h e 14h30. Já as próximas saídas do Morro são às 9h, 11h30, 13h e 15h. As escunas do tradicional “Passeio às Ilhas” também operam normalmente. O tour pela Baía de Todos-os-Santos inclui paradas em Ilha dos Frades e Itaparica, com retorno a Salvador às 17h30. A tarifa custa R$ 50.

Notícias Relacionadas