Empresário de Marinho força a barra para o Vitória liberar atacante para o Fla

Marinho esteve na Toca do leão com o seu empresário. Decisão sai nesta quinta.
Marinho esteve na Toca do leão com o seu empresário. Decisão sai nesta quinta.

O presidente do Esporte Clube Vitória, Ivã de Almeida, juntamente com o diretor de futebol, Sinval Vieira, tiveram um encontro nesta quarta-feira (4), com o atacante Marinho e seus procuradores. Na reunião, o Vitória reforçou o desejo da permanência de Marinho no rubro-negro baiano, oferecendo uma nova proposta para que o atleta continue no Leão.

As negociações estão em andamento e ficou decidido que, nesta quinta-feira (5), Marinho fará um pronunciamento a respeito para os jornalistas na sala de imprensa do Barradão, às 10h, para esclarecer a sua situação no clube. O encontro não será aberto para perguntas e o acesso se dará pelo portão 16.

O diretor Sinval Vieira disse que a proposta do Flamengo feita através de Jorge Machado, empresário de Marinho, não foi aceita. O Flamengo só tem interesse em comprar 50% dos direitos econômicos do jogador – 30% é do Cruzeiro, 20% da JMB (empresa de Jorge Machado e Bismarck). Marinho tem contrato com o Vitória até o fim de 2018.

Na verdade, o empresário de Marinho, está querendo levar o jogador para o Flamengo de qualquer jeito. No entanto, o diretor de futebol do Vitória, Sinval Vieira, deixou claro que a negociação com o Flamengo só sairá se forem atendidas também as pretensões do clube baiano.

Para tirar Marinho do Vitória, o Flamengo tem que pagar R$ 17 milhões, dinheiro que o próprio presidente do clube carioca diz não ter. Sinval Vieira também não aceita que o Vitória seja prejudicado e garante que como o empresário e o Flamengo querem não haverá negócio.

Notícias Relacionadas