Manoel Matos afirma que Ricardo David é o maior traíra que passou pelo Vitória

Manoel Matos diz que não será mais diretor do Vitória.
Manoel Matos diz que não será mais diretor do Vitória.

O vice-presidente do Vitória, Manoel Matos, criticou o ex-diretor de marketing do clube e atual candidato à presidência do rubro-negro, Ricardo David, durante entrevista ao programa Bola Em Jogo, da Rádio Metrópole, nesta terça-feira (13). Segundo o dirigente, David foi “o maior traíra” que passou pela sua gestão pelo time baiano.

“Foi o maior traíra que nós tivemos. O cara dizer que saiu do Vitória porque não aceitou trabalhar comigo, porque eu sou ditador…ah, para com isso. Eu posso dizer que trabalhei com muitas pessoas. Mas ele é fraco. Ele chegou ao ponto de sair do Vitória sem me cumprimentar. Ele chegou ao ponto de dizer que ficou 40 dias na Europa, quando na verdade ele ficou 15”, disse Matos.

Ricardo David é candidato da chapa construída por Carlos Falcão, que renunciou à presidência em 2015 após uma gestão desastrosa. O clube sequer disputou as semifinais do Campeonato Baiano, tinha caído para a Série B com ele em 2014 e não participou da Copa do Nordeste. (Informações do Metro 1)

Recentemente, em entrevista à Rádio Itapoan após o jogo entre Vitória e Palmeiras, no domingo (11), Ricardo David criticou o vice-presidente, afirmando que Matos era quem ‘mandava de verdade no clube’. Manoel Matos declarou também que não há possibilidade dele retornar a comandar o futebol do clube na próxima temporada. “Esse tipo de coisa eu não aceito. Eu saio do Vitória essa semana porque eu não aceito esse tipo de coisa”, afirmou. As eleições presidenciais do Vitória acontecem nesta quinta-feira (15), no estádio Manoel Barradas, o Barradão.

Notícias Relacionadas