Grampos telefônicos vão aos milhões no Brasil

CLÁUDIO HUMBERTO

O presidente da operadora Vivo, Eduardo Navarro, fez uma revelação chocante, esta semana, durante o Painel do Telebrasil, que reuniu em Brasília operadoras e indústria de telecomunicações e autoridades. No Pais da bisbilhotice, só a Vivo recebe 2 milhões de notificações judiciais por ano, a maioria para escutas telefônicas ou para fornecer listas de telefonemas, com números e duração, em casos de quebra de sigilo.

Só a Vivo recebe 2 milhões de notificações judiciais por ano, a maioria para escutas telefônicas.
Só a Vivo recebe 2 milhões de notificações judiciais por ano, a maioria para escutas telefônicas.

RECORDISTA MUNDIAL
Se uma única operadora recebeu 2 milhões de notificações judiciais para bisbilhotar telefones, o Brasil pode ser o recordista mundial

QUANTIDADE MODESTA
Nos Estados Unidos, onde o combate ao crime não tem tréguas, foram 4.148 escutas autorizadas pela Justiça em todo ano de 2015.

DIREITOS RESPEITADOS
Nos EUA os grampos não são freqüentes em razão do respeito aos direitos e garantias individuais, que para os americanos são sagrados.

OS NÚMEROS DO GRAMPO
A Justiça Federal dos EUA autorizou 1.403 grampos telefônicos em todo o país, em 2015. Menos que a soma das justiças estaduais: 2.745. (Coluna de Cláudio Humberto. Clique AQUI e leia mais).

Notícias Relacionadas